Wander Wildner - Rodando El Mundo
Ouça playlist com clássicos do Rock!  

Wander Wildner - Rodando El Mundo

O selo pernambucano Assustado Discos acaba de lançar mais um disco de vinil. Trata-se do inédito Rodando El Mundo, do cantor e compositor gaúcho Wander Wilnder. O disco conta 12 músicas raras ou nunca lançadas.

O Assustado Discos teve a honra de trabalhar com o punk brega, pois ele é um dos ícones de resistência da música independente no brasil. Wander Wildner é um cara que produz independente das condições, é um verdadeiro punk que pratica o do it yourself ao pé da letra. Essa filosofia tem tudo a ver com a proposta do Assustado Discos que valoriza e busca o conteúdo de uma produção espontânea, visceral e verdadeira, afirmou Rafael Cortes, idealizador do selo.

Entre as canções do lançamento, uma gravação de “Bebendo Vinho” junto com a torcida do Grêmio, outra de “Sandina”, executada no Festival de Inverno de Garanhuns de 2005 com a extinta banda recifense Paulo Francis Vai Pro Céu, e “Eu tenho uma camisa escrita eu te amo”, gravada ao vivo em 2008 com a orquestra de câmara da ULBRA.

Foi bastante interessante realizar essa busca pelo material que entrou no vinil Rodando el Mundo, pois acabei descobrindo gravações das quais não lembrava e o resultado ficou interessante, variado e representativo do meu trabalho, em se tratando de demos e raridades. O fato de ser um lançamento só em vinil torna o projeto muito mais interessante. Eu já estava a um bom tempo querendo lançar um LP, e com certeza depois desse virão outros, afirmou Wander Wildner.

A capa do vinil Rodando El Mundo foi produzida de forma especial pelo artista plástico pernambucano Paulo do Amparo.

O disco pode ser encontrado na loja Passa Disco, no Recife, encomendado por email (assustadodiscos@gmail.com) ou pelo Facebook do selo. Em breve ele estará disponível pela internet.

Confira a lista das músicas de cada lado:

Lado A:

1- “Boas Notícias” (Gustavo Kaly/2010)
2- “Rodando El Mundo” (Wander Wildner/ 2010)
3- “Eu Tenho uma Camisa Escrita Eu Te Amo” (Wander Wildner/2008)
4- “Sangue Sujo” (Sangue Sujo/1990)
5- “Wynona” (Wander Wildner/ 2004)
6- “Falcatruas” (Zicco Cardoso/ 2005)

Lado B:

1- “Maverikão” (Zicco Cardoso/2007)
2- “Um Bom Motivo” (Gustavo Kaly/2010)
3- “Sandina” (Jimi Joe/2005)
4- “Adeus as Ilusões” (Jimi Joe/2004)
5- “Ensaístico” (Glauco Mattoso e Wander Wildner/2001)
6- “Bebendo Vinho” (Wander Wildner/Torcida do Grêmio/2004)