Chris Fehn do Slipknot
Foto: Wikimedia Commons
 

O caldo entornou para o Slipknot enquanto o grupo se prepara para lançar seu novo disco.

Na última semana, a mídia americana divulgou que Chris Fehn, o #3, estava processando a própria banda. O percussionista alega que não tem recebido justamente sua parte em dinheiro, além de acusar irregularidades na conta do grupo.

Agora, em um comunicado em seu site oficial, a banda anunciou a saída do músico e se disse “decepcionada” com as ações de Fehn.

Leia:

O foco do Slipknot é fazer o álbum #6, assim como nossos shows ao redor do mundo, os melhores até então. O Chris sabe o motivo de ele não fazer mais parte do Slipknot. Estamos decepcionados que ele tenha escolhido apontar o dedo e fabricar alegações, ao invés de fazer o que é necessário para continuar no [grupo]. Nós gostaríamos que ele não tivesse escolhido este caminho, mas a evolução em todas as coisas é uma parte necessária da vida.

Vida longa ao Knot.

Na última quinta-feira (14), o frontman Corey Taylor usou seu Twitter para mandar uma indireta ao percussionista. Em uma publicação, o vocalista disse que os fãs “leriam um monte de merda”, e ainda prometeu que a “verdade” viria à tona.

Em suas alegações, Chris Fehn diz que várias “empresas” estariam coletando dinheiro na conta conjunta da banda, fazendo com que o pagamento aos membros seja menor que o esperado. Na ação judicial, o músico pediu por uma análise completa das finanças do grupo.

Slipknot

Com ou sem o #3, a banda lança seu sexto disco de estúdio, ainda sem nome, no dia 9 de Agosto. O álbum será sucessor de .5: The Gray Chapter.

O primeiro single “All Out Life”, que estará no disco, foi lançado em Outubro do ano passado, como te mostramos por aqui.