Mike Shinoda fala sobre como Dave Grohl o inspirou após a morte de Chester Bennington

Em entrevista, Shinoda explicou que o modo como Grohl encarou a morte de Kurt Cobain o inspirou

Foto: Divulgação/Wikimedia Commons
 

A morte de Chester Bennington afetou a vida de muitos colegas e amigos próximos do cantor, um deles sendo Mike Shinoda.

Shinoda já comentou diversas vezes sobre o impacto da perda e a dificuldade de seguir em frente — seja com o Linkin Park, ou até mesmo em carreira solo.

Agora, em uma entrevista para a rádio Alt 98.7, o cantor foi questionado mais uma vez sobre como está lidando com o acontecimento.

Nos últimos meses, estive conversando com vários amigos que passaram por esse topo de perda. Você perder seu avô quando ainda é criança é diferente de perder um de seus amigos ou alguém que é da mesma idade que você ou mais jovem. É algo diferente ver alguém que passou por isso e superou diferentes partes desse processo.

Eu percebi que eu não sou invencível, e que eu não vou tomar todas as decisões certas. Eu tenho certeza de que vou cometer erros ao longo do caminho e eu estou tranquilo com isso. Contanto que eu consiga trilhar esse caminho e ir descobrindo as coisas ao longo do caminho, eu sinto que isso ajuda a unir essa comunidade.

Em seguida, Shinoda comentou como Dave Grohl o inspirou durante esse processo:

Se eu estou do outro lado dessa história e vejo alguém como, por exemplo, Dave Grohl após o Nirvana — ver ele seguir em frente, se erguer novamente e criar o Foo Fighters do nada. Esse é um momento onde você pensa, ‘isso é possível’, parece algo heróico.

Agora, o cantor está se preparando para lançar seu primeiro álbum solo, chamado Post Traumatic. O disco sai no dia 15 de Julho e você pode conferir algumas canções do disco clicando aqui.

Comentários