Criadores de Stranger Things são processados por suposto plágio

Série chegou a ser anunciada com nome de filme em 2015

Stranger Things
 

Matt e Ross Duffer, conhecidos como os Duffer Brothers, estão sendo processados por um suposto plágio de Stranger Things.

De acordo com a TMZ, os criadores da aclamada série da Netflix são alvo de um processo do cineasta Charlie Kessler, já que segundo ele “temas centrais” de um filme seu chamado Montauk teriam sido usados para a atração.

Kessler lançou o filme em 2012, disse que em 2014 ofereceu uma adaptação aos irmãos que foi recusada, e ficou surpreso em 2016 ao ver Stranger Things na Netflix, já que boa parte da ideia seria dele.

Como bem aponta a Pitchfork, em 2015 a Netflix chegou a anunciar a série com o nome de Montauk, o que deixa a história ainda mais esquisita.

No processo, Charlie estaria pedindo compensação financeira e a “destruição de todos os materiais que foram roubados do seu conceito.”

Ainda não há nenhum posicionamento oficial da Netflix ou dos Duffer Brothers.

 
Compartilhar

Comentários