O que assistir na Netflix: A Mosca (The Fly)

Assista ao clássico que é muito mais que "o filme mais nojento da história"

A Mosca
 

Coisa mais comum é passar mais tempo na Netflix procurando o que assistir do que assistindo. Fosse nos tempos de Orkut, já haveria uma comunidade com esse tema. Agora, o TMDQA! faz esse trampo pra você.

É só confiar e dar play:

 

 

A Mosca – The Fly (David Cronenberg – 1986)

A Mosca

O cinema é especialmente importante pra mim, pois me permite parir sentimentos e emoções que acabam por ficar confinadas. Confinadas num alguém melhor do que sou no dia a dia, confinadas em um alguém pior do que sou no dia a dia. Da Rosa do Povo à Rosa das Trevas.

E essa poesia, meio Drummond meio Cronenberg me inspirou neste romance degenerativo, refilmagem de A Mosca da Cabeça Branca (1958), e também considerado uma vez ou outra como o filme mais nojento da história. Mas é muito mais do que isso.

Recluso e dedicado, o cientista Seth Brandon, (Jeff Goldblum) revela à jornalista Veronica Quaife, (Geena Davis) sua máquina de teletransporte, bem como sua falha: ser incapaz de teletransportar matéria orgânica, viva ou não. Em um momento de insight e loucura, ele teletransporta a si mesmo, e dá-se início a sua tragédia humana, meio grega, meio pulp.

Não há política entre os insetos, diz Jeff Goldblum ao entregar-se ao seu terrível destino. Insetos nascem insetos, têm uma vida regrada pela delicadeza e ferocidade da natureza, mas não têm política. Nascem sabendo ser inseto.

Eu, humano que sou, nasci pensando ser humano, mas lidando constantemente para tentar ser um pouco mais do que humano. Com os olhos sempre parados à uma lonjura de léguas daqui. Feroz a um breve contato, à segunda vista seco, à terceira, perdido. Dir-se-ia que tenho, então, medo de ser, fatalmente, apenas humano, exercitando forças que não alcanço ver de onde vêm.

Essa é nossa transformação. Restrita na nossa essência bio-psico-social, lutando com a vida, lutando com o mundo, lutando com nós mesmos, pela ilusão de ser um pouco mais do que carne e um simples e sintético, código.

Uma mistura de gore, terror, scifi e aquele filme pra passar o tempo sem perder tempo. Coisa linda.

Link de A Mosca na Netflix.

 

Deslize a tela para baixo e continue lendo as notícias do TMDQA! automaticamente!

 

Comentários