Vinnie Paul: “Phil Anselmo fez muitas coisas para denegrir a imagem do Pantera”

Baterista do Hellyeah, que tocou com Anselmo no Pantera, critica polêmicas recentes envolvendo ex-colega e afirma não falar com ele desde 2000

Phil Anselmo
 
 
 
 
 

A moral de Phil Anselmo está lá no chão mesmo.

Mais conhecido recentemente por suas declarações polêmicas que por seu trabalho na música, ele foi criticado mais uma vez – agora por seu ex-colega de Pantera, Vinnie Paul, atualmente baterista do Hellyeah.

Paul, que passou pelo Brasil no mês passado, concedeu entrevista com sua banda ao portal R7 e lamentou as atitudes de Anselmo neste ano – a maior dela sendo a de fazer um gesto nazista e gritar “white power” em seu show no Dimebash, festival realizado no começo do ano com o intuito de celebrar a vida e obra de Dimebag Darrell, guitarrista do Pantera e irmão de Paul, morto a tiros em 2004.

Phil fez muitas coisas para denegrir a imagem do Pantera, e é triste. Não tenho como controlar qualquer coisa que venha daquele sujeito. Honestamente, não falo com ele desde 2000.

O baterista também elimina, claro, qualquer possibilidade de uma reunião dos membros restantes do Pantera:

Pra mim, pessoalmente, acabou quando o Pantera acabou. Muitas pessoas não entendem isso. Havia motivos para a banda não estar mais junta. E com meu irmão não estando mais aqui, não vai haver algo como uma reunião para aquela banda, ponto.

Assista à entrevista na íntegra abaixo.

LEIA: Phil Anselmo diz ser “ridículo” quando o chamam de racista