Paul McCartney faz discurso descontraído antes de entregar prêmio para Bruce Springsteen
Foto por Hogan Media/Reprodução/Ivors Academy

Bruce Springsteen é o mais novo membro da The Ivors Academy e recebeu a honraria de outra lenda da música, Sir Paul McCartney, durante uma cerimônia realizada na última quinta-feira (23).

Com a nomeação, Springsteen se tornou o primeiro compositor não britânico a receber o prêmio Ivor Novello, que reconhece sua “notável contribuição para a arte da composição”, bem como o impacto importantíssimo que o músico teve no cenário cultural do Reino Unido.

Com um discurso repleto de piadas, Paul McCartney foi o responsável por homenagear o artista e entregar o prêmio a ele. Ao público, ele declarou (via Loudwide):

Então, não consigo pensar em uma pessoa mais adequada para ser o primeiro compositor internacional, exceto talvez Bob Dylan, ou Paul Simon, ou Billy Joel, ou Beyoncé, ou Taylor Swift. A lista continua. Estou brincando, Bruce.

Macca continuou o discurso apontando que Springsteen costuma ser conhecido como “trabalhador americano”, mas zoa o colega ao dizer que não sabe se ele realmente deveria ganhar essa descrição:

Ele é um garoto adorável, conhecido como o trabalhador americano, sabe? Mas ele admite que nunca trabalhou um dia na vida. É verdade.

Paul ainda mencionou sua banda no discurso ao pensar em como o homenageado poderia ter se encaixado nos Beatles. “Quando se trata de talento, ele definitivamente estaria entre os cinco primeiros”, declarou McCartney, mais uma vez tirando onda da cara de Springsteen.

Bruce Springsteen se torna membro da The Ivors Academy

Após subir ao palco para agradecer a homenagem, Bruce Springsteen explicou que estava com a voz rouca pois realizou um show com condições climáticas de alerta vermelho no norte da Inglaterra na noite anterior. Ele disse:

Saímos… e eu pensei, ‘Que tempo é esse? Chuva forte, vento forte’. Mas parados na minha frente, na chuva, percebi: este é o meu povo.

Em seguida, ele relembrou de sua primeira visita ao Reino Unido em 1975 e declarou:

A comida do avião não era tão boa, e meu primeiro pensamento quando pousamos em Heathrow foi: ‘Onde estão todos os cheeseburgers?’ Os cheeseburgers foram escondidos ou substituídos por algo chamado fish and chips. Foi um pouco desconcertante.

Então nossa próxima parada foi no Hammersmith Odeon, onde fui recebido por uma enorme placa anunciando: ‘Londres finalmente está pronta para Bruce Springsteen.’ E tudo que pensei foi: ‘Se Londres não está pronta para um cheeseburger, eles podem não estar prontos para mim!’

Ao final do seu discurso, Springsteen agradeceu a todos por ouvirem suas músicas e pela academia enxergá-lo como um deles. Você pode assistir a um trecho da fala do Boss clicando aqui.

OUÇA AGORA MESMO A PLAYLIST TMDQA! METAL

Nu Metal, Metalcore, Heavy Metal, Thrash e muito mais: todo peso das guitarras aparece na Playlist TMDQA! Metal para você ouvir clássicos e conhecer novas bandas agora mesmo. Siga o TMDQA! no Spotify!