Adele destaca relação especial com seu aguardado disco:
Foto por Alasdair Mclellan
 

Êêêê Adele

Semanas depois de ser acusada de plagiar Martinho da Vila, parece que a cantora britânica mirou em mais um brasileiro: ninguém menos que Chico Buarque.

No Twitter, o usuário Yves Anjos comparou as introduções de “To Be Loved”, do novo disco 30, e de “Eu Te Amo”, do álbum Vida, escrita por Buarque e Tom Jobim em 1980. Ao piano, as duas são realmente pra lá de parecidas.

Apesar das reações de choque, um usuário chamado Thiago afirmou:

O do Chico é uma sequência de acordes com movimento similar, mas em diferentes harmonias, enquanto que a da Adele é simplesmente uma escala descendente no padrão 2-3 1-2 7-1 6-7 e por aí vai. São formas musicais SIMPLES e consideravelmente distintas.

E aí, será que rolou inspiração?

Adele

30 chegou na última sexta-feira (19) após meses de espera, e é uma jornada íntima aos motivos que levaram ao divórcio da cantora de seu ex-marido, Simon Konecki.

O álbum tem 12 faixas e viaja por estilos como o R&B e até o Reggae, propostas bem diferentes do que a artista vinha apresentando em seus outros discos.

LEIA TAMBÉM: Após pedido de Adele, Spotify prioriza execução de discos na ordem imaginada pelo artista

 
Compartilhar