foto via Shutterstock
Ouça o novo disco de Diego Tavares!  

E se James LaBrie tivesse sido vocalista do Iron Maiden? Isso quase aconteceu e o cantor relembrou a situação recentemente.

O líder do Dream Theater deu uma entrevista ao programa The Metal Voice (via Blabbermouth), onde falou do convite que recebeu dos empresários do Maiden à época. Em 1993, Bruce Dickinson deixou o grupo, que precisou ir atrás de possíveis candidatos para o cargo.

Ao ser questionado sobre o convite, LaBrie foi bem sincero ao revelar seus motivos para não aceitar. Ele conta:

Na época, estávamos sendo observados pela agência que cuidava do Iron Maiden. E então, Rod Smallwood [empresário] […] me chamou de lado e disse: ‘O que você acha sobre…?’

E eu disse: ‘O quê? Do que estamos falando aqui? Estou confuso. Você não está aqui para começar a administrar o Dream Theater? Ou você está aqui para me tornar…?’ […] Você pode imaginar como isso foi bizarro?

James ainda revelou que estava em uma situação “bizarra” com o Dream Theater, já que havia acabado de lançar o disco Images and Words (1992) e o grupo estava atrás de um novo empresário para poder sair em turnê.

Ele prossegue dizendo que estava inclusive perto de seus colegas quando ouviu a proposta e explica:

De qualquer forma, eu apenas disse: ‘Não. De jeito nenhum. Quer saber? Vou te dizer os motivos pelos quais não vou fazer isso. […] Um: o Dream Theater. É isso. Ponto final’. E eu disse: ‘Mas se eu precisar ir mais longe, quando eu tinha 22 anos, cantei para uma banda chamada Coney Hatch por um ano. E entrei [como substituto] para outro vocalista, o Carl Dixon, […] e basicamente eu me sentia como uma jukebox glorificada’. Eu falei, ‘Porque eu entrei na banda, eu era capaz de cantar todas aquelas músicas sem problemas, mas nunca houve aquele ‘Este sou eu. E isso é o que eu criei”. Era tipo, ‘Você está olhando para mim por quem e o que eu sou?’ Acho que não. E acho que você nunca vai.

Vale lembrar que James LaBrie também não é o vocalista original do Dream Theater, mas sim o terceiro a fazer parte da banda. Ele substituiu Charlie Dominici, que já havia entrado no lugar de Chris Collins.

Ao fim, o vocalista ainda afirmou que respeita muito tanto o Maiden quanto Bruce Dickinson e que eles têm uma relação de cordialidade. Segundo ele, o empresário ainda aceitou “numa boa” sua recusa.

Iron Maiden e Dream Theater no Brasil

Vale lembrar que as duas bandas se encontrarão no palco do Rock in Rio, no Rio de Janeiro, em 2022. Eles tocam no dia 2 de setembro, conhecido como Dia do Metal, ao lado de nomes como Sepultura e Megadeth.

Os ingressos para o festival estão esgotados no momento.

Novo livro do Iron Maiden

Se você é fã de Iron Maiden e/ou discografias impactantes da música, o TMDQA! tem uma boa notícia pra você.

A Editora Belas Letras está lançando no Brasil o livro Álbum Por Álbum, que faz exatamente o que o seu nome diz: uma profunda análise de cada um dos discos da lendária banda britânica de Heavy Metal.

Em uma edição de luxo com capa dura e 256 páginas, o livro escrito pelo influente Martin Popoff tem capa dura e centenas de fotos do arquivo da banda.

Você pode saber mais sobre a obra e conseguir um cupom de desconto exclusivo clicando aqui.

Ouça a nova música de Juliah!