Kanye West em 2007
Foto de Kanye West via Shutterstock
 

O pedido de Kanye West para mudar legalmente seu nome para Ye, apelido pelo qual é conhecido há vários anos, foi aprovado.

A informação foi confirmada por diversos portais internacionais e vem depois de uma espera relativamente curta do rapper, que entrou com o pedido de mudança em Agosto. Lá em 2018, no entanto, ele anunciou a sua troca de nome por meio de um Tweet:

O ser anteriormente conhecido como Kanye West. Eu sou YE.

Na época, ele tinha acabado de lançar o disco que leva justamente o seu novo nome. Além disso, Ye também explicou que a decisão tem uma justificativa bíblica, conforme lembra a Pitchfork:

Eu acredito que ‘ye’ é a palavra mais frequentemente usada na Bíblia. Na Bíblia significa você. Então, eu sou você. E eu sou nós. Somos nós. Foi de ser o Kanye, que significa o único, até Ye, sendo apenas uma reflexão dos nossos bons, dos nossos ruins, dos nossos confusos — tudo. É mais uma reflexão de quem somos como seres humanos.

Kanye West

Vale lembrar que, apesar de aparentemente não curtir muito o nome que recebeu de sua mãe, Ye lançou em 2021 o polêmico disco DONDA, que leva justamente o nome da progenitora e faz homenagem a ela.

LEIA TAMBÉM: “Forma de escapar”: Tom Morello lança disco solo e revela inspiração em Kanye West

 
Compartilhar