Se os fãs do Creed tinham alguma esperança de que a banda poderia se reunir no futuro próximo, podem esquecer.

Em entrevista recente, o guitarrista Mark Tremonti disse que uma reunião com seus antigos companheiros de grupo “não é possível no momento”.

Ele, que está divulgando Marching In Time, seu quinto álbum solo com o projeto TREMONTI, respondeu à pergunta em função da atualização da página oficial do Creed no Facebook há cerca de um ano (via Blabbermouth):

Nesse momento é quase impossível de acontecer. Eu tenho um disco solo saindo. Estou freneticamente tentando escrever um novo álbum para o Alter Bridge, e nós agendamos a turnê para todo o próximo ano, até o Natal do ano que vem. Então para realizar uma turnê com o Creed, nós temos que ensaiar juntos, e não tem como [a gente fazer isso]. Eu deixo para as pessoas que tocam o nosso negócio — dos nossos empresários até os nossos agentes e todo mundo envolvido. Eles são legais o suficiente para me deixar ser artista e apenas coisas presentes que são factíveis quando elas são factíveis e, agora, isso [a reunião do Creed] não é factível.

Mark Tremonti chegou a cogitar novo material do Creed

Em 2019, Mark disse durante uma entrevista que estava debruçado sobre um material que poderia vir a se tornar oficialmente do Creed. Porém, nada mais foi colocado nesse sentido.

O Creed anunciou o encerramento de suas atividades em 2004, quando seus integrantes, com exceção do vocalista Scott Stapp, formaram o Alter Bridge.

O cantor, então, apostou em uma carreira solo que deu muito menos certo que o novo projeto dos seus antigos companheiros, embora tenha ganhado força nos últimos anos.

Em 2009, o Creed voltou à ativa e lançou o disco Full Circle, que culminou com a realização de uma turnê mundial. Depois disso, a banda novamente entrou em hiato.

Quem aí apostaria em um retorno?

LEIA TAMBÉM: Em 2002, o Creed fez um show tão ruim que foi parar na Justiça

 
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.