Jason Newsted e James Hetfield
 

Jason Newsted realmente aproveitou seu tempo no Metallica.

Em entrevista recente ao podcast Talk Toomey, do festival Knotfest (via Blabbermouth), Newsted comentou o hábito que tinha de usar camisetas da banda durante seus shows.

Leia:

Eu acreditava em mim mesmo e acreditava na minha banda… Eu fazia todo o possível, o que estivesse ao meu alcance, para promover e levar adiante nosso sucesso. Eu me sacrificaria de qualquer forma; não havia limites. Fazia o que fosse necessário, o que eu poderia fazer, com meu conhecimento e experiência limitados, para desempenhar meu papel da melhor maneira possível em busca do nosso sucesso. […] E era o nome da porra da minha banda na frente. E adivinha? Não há nenhuma maior. Então, eu usava [a camiseta] com orgulho.

Ele ainda falou que, geralmente, as camisetas que ele usava nos shows acabavam sendo as mais vendidas do merch do grupo. “E todo mundo ganha esse dinheiro — empresário, o cara da equipe, o cara da banda. Todo mundo divide esse dinheiro. Aí que está”.

Justíssimo, né?

Jason Newsted e o Metallica

Jason deixou a banda em 2001, após 15 anos. Ele entrou para substituir o saudoso Cliff Burton, que morreu naquele ano.

Em 2009, já com Robert Trujillo no baixo, Newsted também foi induzido ao Hall da Fama do Rock and Roll ao lado de seus ex-colegas de banda.

LEIA TAMBÉM: Filhos de Lars Ulrich (Metallica) formam nova banda Taipei Houston; ouça

 
Compartilhar