Brothers of Brazil -
   

Brothers Of Brazil

O famoso e icônico punk rocker brasileiro que atende pelo nome de Supla está já há algum tempo dedicando seu tempo a um novo projeto, ao lado do irmão João Suplicy, que foi batizado de Brothers Of Brazil e traz a dupla misutrando rock e punk com samba e bossa nova.

Recentemente os caras estiveram nos Estados Unidos onde tocaram em várias datas da famosa Warped Tour e também viram seus trabalhos serem lançados lá na gringa pela gravadora SideOneDummy, de nomes como Gaslight Anthem e Gogol Bordello.

Prestes a lançar um novo álbum chamado On My Way, que conta com participações de The Aggrolites, Apollo Nove e Wagner Fulco, Supla parou pra conversar com a gente a respeito do trabalho, da turnê, dos discos e muito mais.

Confira logo abaixo.

TMDQA!: Como foi a experiência de tocar na Warped Tour e como surgiu o convite para tal?
Supla: A experiencia foi fantástica. Atravessamos a América tocando todo dia para um grande público(confira o video “Let’s Take The Money And Run Away To Rio”)acredito que melhoramos muito como banda! Para mim é um desafio (que adoramos) tocar na frente de pessoas que não fazem ideia de quem somos!
O convite veio depois de um show em Nova York. Uma garota toda tatuada viu a nossa apresentação e perguntou se estávamos em alguma gravadora. Dissemos que não, logo em seguida ela falou que tinha uma gravadora (SideOneDummy) perfeita para o Brothers Of Brazil e que assinando com ela nós iríamos fazer parte da Warped Tour. Voamos para Los Angeles e assinamos! Foi tipo sonho! De lá não paramos mais! O que eles gostaram foi a concepção, 2 irmãos que cantam e tocam (Supla na bateria e João no violão) misturando música à brasileira com o rock e principalmente as boas canções com temas interessantes!

TMDQA!: Qual é a resposta do público ao som da banda, peculiar até mesmo para as plateias brasileiras, que já os conhece?
Supla: Nós sentimos que a receptividade é muito boa! No Brasil, América ou Europa. Muita gente não acredita que somos brasileiros lá fora! Mas logo após a segunda música eu já vou avisando: “Diretamente do Brasil, São Paulo!” Que nós somos irmãos de sangue. E no Brasil nós sentimos que o novo single “On My Way” tá agradando. Tocamos na Virada Cultural em São Paulo e a galera toda cantou a música com a gente. Foi fantástico!

Brothers Of Brazil - On My Way

TMDQA!: O projeto Brothers Of Brazil surgiu junto com o programa de televisão que vocês tinham aqui ou já era uma ideia antiga?
Supla: A banda já existia. O meu amigo Bernard Rhodes (empresário do Clash) deu o nome. Depois virou um programa de televisão a que somos muito gratos a Rede Tv. Deu para divulgar o nome da banda, mas confesso que atrapalhou em termos de fazer turnês. Um programa de TV consome praticamente todo o seu tempo. Mas valeu!

TMDQA!: Você sente que a banda tem mais reconhecimento lá fora do que aqui no Brasil? Acha que isso é um caminho natural já que estão lançando disco por gravadora gringa?
Supla: Euseria um mal agradecido se pensasse dessa forma! O Brasil me deu um nome e já tive vários sucessos musicais (“Humanos”, “Garota de Berlim”, “Encoleirado”, “Metralhar e Não Morrer”, “Charada Brasileiro”, “Green Hair”) e sempre me vi como um entertainer. Fiz filmes, novela, mini-série, programas de TV como apresentador e por aí vai. Poderia ter ficado no Brasil acomodado e só investir aqui, mas gosto do desafio. Penso como cidadão do mundo.

Isto não é ser metido, é apenas querer arriscar ao invés de ter aquela velha opinião formada sobre tudo (um salve para Raul Seixas). Reconheço que perdi mercado estando fora por muito tempo, mas ao mesmo tempo ganhei experiência, conhecimento e agora estamos indo para o mundo de verdade com uma gravadora internacional. E o Brasil é o nosso país! Vamo que vamo! Como já disse, a galera aqui tem gostado muito do novo álbum do Brothers.

Já ia esquecendo, agora começa a segunda temporada do Brothers na gringa (TV Mix), que já foi gravada nessas últimas turnês pelas costas norte-americanas. Tá hilário! E vou também ser jurado do programa “Ídolos” na Record, já começamos a gravar. Moral da história: Reconhecimento não falta.

TMDQA!: O que você acha do retorno do vinil? É fã do formato? Pretende lançar os trabalhos da banda em LP?
Supla: Acho ótimo! Para mim sempre esteve em alta. Adoramos o formato e, não se esqueça, eu já lancei 4 discos! A minha carreira não começou na época da Casa dos Artistas! (risos) Talvez esse novo álbum, On My Way, seja lançado em vinil.

TMDQA!: Você tem mais discos que amigos?
Supla: Não! Tem muito amigo que faz tempo que eu não falo mas tenho certeza que se precisasse de uma ajuda estaria lá por mim. Falando em amigo, tem uma música no novo álbum do Brothers que se chama “True Friend” (Verdadeiro Amigo). É aquele que você vai ver se é de verdade ou falso quando estiver numa pior.