Robert Pattinson em 2017
Foto de Robert Pattinson via Shutterstock
 
Ouça o novo single da Majur!

A escolha de Robert Pattinson para interpretar o Batman nos cinemas gerou muitas reações negativas internet afora, como esperado. A passagem dele pela saga Crepúsculo acabou marcando negativamente o currículo do ator, que já fez uma porção de filmes de lá pra cá – alguns muito bons, inclusive.

O público nerd, porém, não costuma reagir bem a anúncios de novos atores para interpretar os maiores super-heróis dos quadrinhos, seja quem for o escolhido. Destacamos, então, cinco vezes em que os estúdios levantaram dúvidas nos geeks mais apegados – e, no fim, deu tudo certo.

Tom Holland

É quase unânime que Tom Holland é um excelente Homem-Aranha, mesmo sendo o terceiro ator que interpreta o amigão da vizinhança em um curto período de tempo. Para quem não sabe, porém, ele sequer era a primeira opção para o papel.

Asa Butterfield, o Otis de Sex Education, já havia sido escolhido e acabou sendo dispensado após quebrar a cláusula de confidencialidade com a Marvel – ele comentou detalhes da contratação em um fórum de internet antes do anúncio oficial.

De “segunda opção” para um dos personagens mais carismáticos do estúdio, até que o jovem Tom Holland se saiu bem.

 

Chris Evans

Antes de Chris Evans finalmente estrelar Capitão América: O Primeiro Vingador, lá em 2011, foram várias interrogações plantadas na cabeça dos fãs. O currículo dele contava com papéis bem menores, como um coadjuvante em Scott Pilgrim Contra o Mundo, apenas um ano antes, além dos pavorosos Quarteto Fantástico 1 e 2 (2005 e 2007) e o “clássico” Não é Mais um Besteirol Americano (2001).

Mas… quem olha hoje para o Steve Rogers do MCU simplesmente não consegue imaginar outro ator além de Evans para o papel. O cara virou sinônimo de Capitão América e foi um dos protagonistas do estúdio até o encerramento do arco dos Vingadores, em 2019.

Chris Hemsworth

Chris Hemsworth em Thor 1

Ainda no time dos Vingadores originais, Chris Hemsworth não era ninguém na fila do pão de Hollywood quando foi interpretar Thor nos cinemas.

De acordo com o Collider, o papel do deus nórdico literalmente foi oferecido a Daniel Craig, que recusou para se dedicar à franquia 007. Depois disso, foram feitas experiências com muita gente importante, como Charlie Hunnam, Alexander Skarsgard, Joel Kinnaman, Kevin McKidd e Tom Hiddleston (sim, o Loki). Até o irmão mais novo de Chris, Liam Hemsworth, fez o teste para o filme.

Para completar, Chris nem conseguiu um teste de tela de primeira: o agente dele teve que insistir para Kevin Feige dar uma olhada com mais carinho.

Hoje ele é um dos atores de comédia mais requisitados na indústria e já está em outras franquias muito respeitadas, como MIB.

Ryan Reynolds

Ryan Reynolds

Imagina a coragem que a Fox teve ao entregar todo o projeto de Deadpool nas mãos de Ryan Reynolds, mesmo depois do trágico Lanterna Verde (2011). Famoso por comédias românticas nos anos 2000, Reynolds não era exatamente um exemplo de confiança quando anunciado como o Mercenário Tagarela.

Além da participação como Hal Jordan no universo da DC, ele ainda teve que driblar a adaptação sem sentido do próprio Deadpool em X-Men Origens: Wolverine (2009). Eram barreiras aparentemente muito altas para ele derrubar.

A grande sacada de Ryan Reynolds foi comprar até o final a briga para que Deadpool fosse um filme para adultos. Piadas pesadas, palavrões e violência foram o impulso que ele precisava e seu Wade Wilson é um dos personagens mais legais no cinema de super-heróis.

 

Heath Ledger

Heath Ledger em 10 coisas que odeio em você

Falando em comédia romântica, Heath Ledger surgiu para o estrelato em 1999 com 10 Coisas Que Eu Odeio Em Você, um baita sucesso teen. Depois seguiu por uma série de bons filmes médios e pequenos até O Segredo de Brokeback Mountain (2005), quando atingiu um patamar já bastante elevado na indústria.

Olhando assim, a tarefa de Christopher Nolan escolher um ator para o Coringa de Batman: O Cavaleiro das Trevas nem parecia tão difícil, certo? Errado. O último ator a levar o maior vilão dos quadrinhos da DC para a telona havia sido ninguém menos que Jack Nicholson. Atores como Paul Bettany, Adrien Brody, Steve Carrell e até Robin Williams publicamente eram apontados como alternativas. A concorrência era pesadíssima.

Para completar, a total reformulação do personagem promovida por Ledger levantou dúvidas, saindo do tom caricato e meio pastelão para um gangster com motivação quase filosófica.

O resto, porém, é história. Até hoje os fãs o consideram o melhor vilão já feito em filmes de super-heróis. E tão errados?

   
 
Compartilhar