Ex-governador do Rio de Janeiro diz que “dançava sozinho” ao som de Bruno Mars na cadeia

Ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral relembra música de Bruno Mars que o acompanhou na penitenciária e que o fazia "dançar sozinho". Saiba mais.

Sérgio Cabral se emociona ao ouvir música de Bruno Mars e lembrar de período na cadeira: "Dançava sozinho"
Reprodução/Instagram

Uma música de Bruno Mars parece ter marcado a passagem do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral pela prisão durante os 6 anos em que ele ficou em regime fechado.

Depois de ter sido liberado para cumprir prisão domiciliar, o político criou uma conta no Instagram no início do ano passado com o intuito de compartilhar sobre os “mais de 30 anos de vida pública” e também falar sobre a experiência dos 6 anos e 1 mês de prisão.

Um vídeo publicado no início deste mês, que viralizou nas redes sociais recentemente, mostra Cabral com os olhos marejados ao ouvir a música “Nothin’ on You”, de Bruno Mars em parceria com B.o.B, e lembrar do tempo em que esteve na cadeia.

Ex-governador do RJ chorava ouvindo Bruno Mars

O ex-governador do Rio de Janeiro revelou no vídeo que a música era tocada com frequência no Batalhão Especial Prisional (BEP), em Niterói, enquanto ele se exercitava. Ao lembrar do período e tentando segurar o choro, ele disse:

Essa música tocava e eu, comigo mesmo, dançava sozinho.

Cabral também relembrou detalhes do local em que os detentos iam para se exercitar:

Tinha uma academia muito precária, que eu chamava de ‘tétanos’, porque os aparelhos eram todos enferrujados, e acho que ganhei calos para o resto da vida.

Acompanhando o vídeo, Cabral refletiu na legenda da publicação sobre o poder da música na vida das pessoas, dizendo:

Música te leva a momentos. Por mais dolorosos que sejam esses momentos, a música amortece a dor.

Confira o vídeo logo abaixo e, em seguida, relembre o clipe de “Nothin’ on You”.

Sérgio Cabral em prisão domiciliar

Depois de ter ficado preso por 2.223 dias como réu da Operação Lava-Jato, Sérgio Cabral encontra-se em prisão domiciliar, com uso de tornozeleira eletrônica.

O político só teve permissão para retirar a tornozeleira em Maio deste ano após autorização da Justiça para que ele conseguisse realizar uma ressonância magnética.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Sérgio Cabral (@sergiocabral_filho)