Guerra lançou o disco

O músico e produtor pernambucano Guerra, conhecido pelo seu excelente trabalho como baterista da banda Fresno, lançou há algum tempo seu primeiro álbum solo chamado NUMATOFUTURO.

O projeto mistura diversos ritmos como MPB, Funk, Brega e Pop e é o reflexo dos tempos que o artista passou isolado durante a pandemia. Em conversa via Zoom com o TMDQA!, ele contou um pouco sobre a alegria de lançar esse projeto:

Cara, eu to feliz demais. Tudo que foi saindo, a galera foi curtindo e esse é o maior termômetro pra mim, meu maior incentivador.

É doido porque eu nem fiz o disco pra ser lançado. Eu já lancei vários discos com bandas, vários discos com a Fresno e sei todo o processo e mecanismo de como funciona. Mas esse foi um processo novo, uma coisa inesperada. Eu tava bem doido na pandemia, todo mundo tava meio sem saber o que ia acontecer e eu comecei a brincar com isso.

Essa liberdade é perceptível, por exemplo, na faixa “Deve Ser Difícil Ser Artificial”, que traz consigo sonoridades que vão do Pop ao Funk através de sintetizadores oitentistas, e também em “É Massa!”, single que celebra o carnaval em forma de uma marchinha que traz as referências pernambucanas do cantor.

Guerra fala ao TMDQA! sobre NUMATOFUTURO

Falando em mais detalhes sobre o seu primeiro lançamento solo, Guerra aproveitou para já deixar claro que um sucessor está, de alguma forma, nos planos:

Foi uma terapia pra mim e fui acumulando músicas que acabaram virando um disco. Eu acho que se eu puder falar uma coisa, a ‘liberdade’ é a palavra mais forte desse disco.

Foi muita sorte. A sorte de estar livre sem nenhuma perspectiva, sem nenhuma intenção de fazer a parada, ajudou a construir esse disco. Eu quero ver como vai ser o segundo. Porque o primeiro teve essa liberdade tão grande que eu fico imaginando como pode ser o segundo!

No disco, também temos a participação de Isadora Mello na faixa “Saudade”. Guerra explicou que essa foi a primeira música dele e serviu para dar norte a todo o trabalho:

Tem uma participação especialíssima da Isadora Mello, uma pernambucana, arretada, que tá fazendo um barulho em Recife, com uma voz linda, maravilhosa. Foi um achado, um presente ter a Isadora nesse disco! Procurem saber dela. A Isadora é porreta!

Continua após o vídeo

Por aqui no TMDQA!, a gente sabe bem que muita gente tem os discos como melhores amigos. Aproveitando a conversa com o Guerra, perguntamos sobre a sua relação com esse lançamento, que certamente já está e continuará sendo uma boa companhia pra muita gente:

Minha relação com meu disco é uma descoberta. É uma relação de ver o artista Guerra fazendo uma parada do coração. É um reflexo meu, um pedaço de mim em vários momentos.

Ouça NUMATOFUTURO logo abaixo!

OUÇA AGORA MESMO A PLAYLIST TMDQA! BRASIL

Música brasileira de primeira: MPB, Indie, Rock Nacional, Rap e mais: o melhor das bandas e artistas brasileiros na Playlist TMDQA! Brasil para você ouvir e conhecer agora mesmo. Siga o TMDQA! no Spotify!