MC William do Borel é preso depois de participar do show de Buchecha no Rock in Rio
Reprodução / Instagram

O último domingo (4) foi um dia de celebração e, ao mesmo tempo, de tensão para o MC William do Borel.

O músico de 50 anos de idade foi preso depois de fazer uma participação especial no show de Buchecha no Espaço Favela do Rock in Rio.

O artista, que cantou no evento um de seus maiores sucessos, o “Rap do Borel”, está sendo acusado de tráfico de drogas e o mandado foi cumprido pela Polícia Federal, com apoio da Polícia Civil. No registro de ocorrência, divulgado pelo g1 (via HugoGloss), a ordem é baseada em uma “sentença judicial definitiva”.

Horas antes da prisão, o funkeiro fez em sua conta do Instagram uma série de publicações comemorando sua participação no aclamado festival. Em uma delas, ele postou uma foto em que aparece em frente à logo do Espaço Favela e escreveu:

Momento Maravilhoso na Cidade do Rock!!!

MC William do Borel é preso no Rock in Rio

O jornal Metrópoles relata que esta não é a primeira vez que MC William do Borel se envolve em problemas com a polícia. Há cerca de dez anos, ele foi detido dentro de um ônibus na região metropolitana de Curitiba por suspeita de tráfico. Na época, ele alegou que estava desempregado e transportava dois quilos de maconha.

O artista fez sucesso nos anos 1990 ao lado de MC Duda. Entre os hits mais conhecidos da dupla estão “A de Abalô” e “Rap da Morena”. Em 1995, eles gravaram com Lulu Santos uma parte da versão de “Toda Forma de Amor” que integra o disco Eu e Memê, Memê e Eu.

A defesa do cantor ainda não se pronunciou sobre o ocorrido do último domingo e, até então, a Polícia Federal também não compartilhou outras informações sobre a prisão do artista.

I WANNA BE TOUR

Em poucos dias o Brasil receberá uma turnê incrível com gigantes do Emo e Rock Alternativo; garanta o seu ingresso por aqui!