Antes de Anitta: no início dos anos 90, Titãs, Sepultura e Nenhum de Nós representaram o Brasil no VMA

Entre 1990 e 1994, MTV premiou Titãs, Sepultura e Nenhum de Nós com o troféu "International Viewer's Choice Award" do VMA; relembre.

Titãs Sepultura VMA
Reprodução/YouTube

No último domingo (28), como você sabe, Anitta fez história ao ser a primeira brasileira a vencer um prêmio e se apresentar no Video Music Awards da MTV dos EUA, o VMA.

Em 2020, a brasileira Any Gabrielly, então com 17 anos, já havia sido a primeira brasileira indicada à premiação como parte do grupo Now United, quando concorreu com BTS, Twenty One Pilots e outros.

Mas o que você talvez não saiba é que, entre 1990 e 1994, o VMA já premiou três bandas brasileiras com o troféu “International Viewer’s Choice Award”, categoria em que fãs de vários países ao redor do mundo escolhiam seus próprios vencedores.

Titãs e Sepultura ganharam esse astronauta duas vezes cada: Sérgio Britto e companhia por “Flores”, do disco Õ Blésq Blom (1990), e “Será Que É Isso o Que Eu Necessito?”, faixa que abre o sensacional Titanomaquia (1993).

Já o grupo de Andreas Kisser venceu com “Orgasmatron”, do álbum Arise (1991) e com “Territory”, do Chaos A.D. (1994). O vencedor em 1992 foi o Nenhum de Nós, com o clipe de “Ao Meu Redor”.

Em 1995, a MTV Brasil passou a realizar o Video Music Brasil (VMB), e a categoria foi incorporada à premiação nacional, ganhando o nome de “Escolha da Audiência”.

Ou seja, antes do Pop nacional ganhar o mundo com a patroa Anitta, o Rock feito no Brasil já era reconhecido pela MTV americana. Que demais, né?

VJ Gastão Moreira aceitou o prêmio de “Territory”

Confira abaixo uma dessas premiações, quando o Sepultura venceu em 1994. No VT em que anuncia os ganhadores, o VJ da MTV Brasil Gastão Moreira aparece na famosa Galeria do Rock, em São Paulo, aceitando o prêmio em nome da banda.

LEIA TAMBÉM: De arrepiar! Veja prévia de show do Sepultura com Orquestra no Rock in Rio