Reprodução / Facebook

Uma foto de David Bowie na prisão foi listada para leilão. O registro é de quando o cantor foi preso por uma acusação de posse de drogas com Iggy Pop em 1976, em um episódio que ficou marcado na história.

A listagem foi adicionada ao site da Ewbanks na última quinta-feira (14) e esperava-se que ela fosse vendida por um valor entre £1.000 (R$6.410,94 na conversão direta) e £1.500 (R$9.616,41 na conversão direta).

De acordo com publicação no Facebook oficial do site, no entanto, a imagem foi vendida a £4.940 (R$31.670,05 na conversão direta). Não há detalhes sobre o comprador, mas sabe-se que o registro foi parar na posse do proprietário como um presente de casamento de seu primo, que é ninguém menos que o policial que fotografou Bowie após ele ser preso.

A foto estava com o vendedor há 46 anos, com ele garantindo que ela está “em muito boas condições para a idade [dela]”, sem sinais de desbotamento ou desgaste.

A origem da foto de David Bowie preso

Bowie foi preso em Rochester, Nova York, em 21 de março de 1976, ao lado de Iggy Pop. A confusão aconteceu logo após o artista realizar um show no Community War Memorial Arena.

O cantor estava em uma festa que, segundo o Independent, teve cerca de meio quilo de maconha confiscado pelas autoridades. A celebração acontecia no Americana Rochester Hotel.

Tanto Bowie quanto Iggy Pop foram mantidos sob custódia por três horas, mas acabaram sendo libertados após pagarem fiança de £1.691, o que dá mais de R$10 mil na conversão atual direta.

LEIA TAMBÉM: 10 fotos de músicos famosos que foram presos

OUÇA AGORA MESMO A PLAYLIST TMDQA! ALTERNATIVO

Clássicos, lançamentos, Indie, Punk, Metal e muito mais: ouça agora mesmo a Playlist TMDQA! Alternativo e siga o TMDQA! no Spotify!

 

Compartilhar