Linn da Quebrada rebate ataques transfóbicos de Nego Di
Reprodução / TV Globo

Nego Di está envolvido em uma nova polêmica e, desta vez, trata-se de ataques transfóbicos direcionados a Linn da Quebrada.

A artista, que participou do Big Brother Brasil 2022, não se calou depois que o cara fez uma série de comentários maldosos durante uma de suas apresentações de stand-up e ainda se referiu a ela como “traveco machorra”.

Lina começou a falar sobre o assunto no Twitter ao responder um internauta que apontou que Nego Di “não fez piada, fez com a intenção de ser transfóbico”. Ela declarou:

O que mais me deixa puta é que tudo isso que ele está fazendo parece meticulosamente pensado pra deslegitimar tudo que temos construído há tanto tempo. Para nos distanciar ainda mais da nossa humanidade. Não é sobre o jogo do ‘BBB’, é sobre o jogo que eles fazem aqui fora também.

Em resposta a outro comentário, que dizia que o comediante era “sem noção”, a cantora disse:

Ele tem noção sim. Ele tem muita noção do que ele está fazendo. Ele sabia e sabe exatamente o que quer exaltar.

Em seguida, Linn da Quebrada fez uma reflexão sobre as risadas do público após as falas transfóbicas de Nego Di no show, escrevendo:

O riso que essa situação revela me parece uma atitude desesperada de tentar coagir manifestações potencialmente perigosas ao grupo que ele pertence. Um riso que persegue, que tenta corrigir, que quer diminuir para criar a ilusão de que eles são maiores e mais fortes. A farsa da força.

Quando eu fazia teatro, lemos um livro que se chama ‘O riso’, do Bergson, que nunca esqueci. Lá ele fala do riso como ferramenta de organização e punição social também. Não só, mas também. ‘O riso deveria cuidar de nos fazer parecer o que deveríamos ser’. Mas a gente escapa e dá risada.

Em outra publicação, postada como um comunicado em seu Twitter e no Instagram, Lina falou sobre como estava se sentindo após os ataques e reconheceu que, antes de entrar no BBB, já falou “muita besteira” nas redes sociais, mas reforçou que nunca foi violenta. Em um trecho, ela disse:

Antes de ser uma BBB, já falei besteiras demais na internet. Na ânsia de nos posicionarmos e termos opiniões sobre tudo instantaneamente, algumas vezes, fui precipitada e equivocada. E, inclusive, já falei com algumas dessas pessoas desde que saí, mas nunca fui violenta.

Fui irresponsável e desmedida algumas vezes, mas nunca fiz isso para ferir intencionalmente ninguém, porque sei que dói. E já senti isso antes. Mas tem coisas que devem ser responsabilizadas, porque são falas feitas com a intenção de machucar e tirar de mim e de nós algo que estamos balizando agora: nossa humanidade. E isso é inegociável.

Você pode conferir o comunicado completo ao final da matéria.

Nego Di ataca Linn da Quebrada

No último final de semana, declarações de Nego Di durante uma de suas apresentações viralizaram nas redes sociais. No vídeo, que foi condenado por muitos internautas, o humorista aparece dizendo:

Para quem não sabe quem é Linn da Quebrada, é a travesti que estava no BBB e acabou de sair. Agora é assim que se fala, a travesti. Quando é travesti é porque tem a ‘peça’, ainda não cortou.

O também ex-BBB depois falou sobre o dia que Linn da Quebrada beijou Maria em uma das festas do reality show:

Do nada o bagulho mais aleatório da minha vida. Não sei se vocês viram […]. A travesti pegou uma mina, beijou uma mina. Que é isso? Os travecos querem me enlouquecer? O que ela quer, o que ele quer? O que elu quer? O cara vira mulher, bota silicone, bota cabelo, toma hormônio pra pegar ‘mina’? Eu nunca tinha visto ‘traveco machorra’ na minha vida.

Mesmo sendo duramente criticado nas redes sociais, Nego Di parece não ter se abalado e ainda agradeceu pela repercussão:

Enquanto a lacrolândia tenta cancelar comediante por piada, meus números só crescem! Obrigado pelo engajamento, comunidade LGBTQIA+… Amo muito vocês! Beijo no bumbum.

Complicado.

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!

 

Compartilhar