Greta Van Fleet no Lollapalooza Brasil 2019
Foto: Aline Krupkoski

Em postagem nesta terça-feira (19) no Instagram, Josh Kiszka, vocalista do Greta Van Fleet, fez um longo pedido de desculpas por ter se apropriado culturalmente dos povos indígenas em apresentações realizadas em 2017.

O cantor, na época, foi fotografado no palco usando trajes característicos do povo nativo dos EUA e isso vinha incomodando muita gente, a ponto de usuários do Twitter criarem a hashtag #SpeakUpGVF para pressionar Josh a se manifestar sobre o tema.

Em sua retratação, o artista “reconhece os danos que a ignorância pode ter para com comunidades marginalizadas”. No texto, Kiszka também diz que “o ódio, o desrespeito e o preconceito não têm lugar nesta comunidade”:

Aos nossos fãs indígenas. Eu tirei um tempo para ouvir e reunir meus pensamentos. Meu apreço pela cultura indígena é maior que eu mesmo. Eu reconheço os danos que a ignorância pode ter para com comunidades marginalizadas, algo que eu jamais gostaria de perpetuar. O ódio, o desrespeito e o preconceito não têm lugar nesta comunidade. Conforme eu fiquei adulto, eu me tornei capaz de crescer e aprender. Esse crescimento não parou nem vai parar aqui. A tribo Chippewa teve um impacto profundo na minha vida, tendo sido exposto às suas cerimônias e costumes durante os meus primeiros anos em Michigan. Fiz doação ao First Nations Development Institute para ajudar a manter vivas as suas tradições indígenas. Se você quiser apoiá-los junto comigo, por favor, visite firstnations.org. Paz, amor, unidade e equidade, sempre.

Importante saber reconhecer o erro, né?! Confira a postagem de Josh Kiszka no Instagram ao final da matéria.

Vinda do Greta Van Fleet ao Brasil

A polêmica acontece às vésperas da chegada do grupo ao Brasil. Em sua segunda passagem pelo país, o Greta Van Fleet – que perigou não vir por motivos de doença – se apresenta amanhã (21) em Porto Alegre para abrir o show do Metallica por aqui.

As duas bandas voltam a tocar em Curitiba dois dias depois, no sábado (23) e, na sequência, seguem para se apresentar em São Paulo (25) e Belo Horizonte (27). O GVF ainda realizará um show extra no Rio de Janeiro (03/05), dessa vez sem a presença do Metallica.

LEIA TAMBÉM: Entrevista: Greta Van Fleet fala sobre comparações, vinda ao Brasil com o Metallica e mais

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Josh M. Kiszka (@josh_gvf)

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!

 

Compartilhar