Taylor Hawkins, do Foo Fighters, na bateria
Reprodução/YouTube

O primeiro trabalho póstumo do lendário e saudoso Taylor Hawkins foi disponibilizado recentemente.

Além de assumir a bateria do Foo Fighters, o músico nunca escondeu que gostava de soltar a voz de vez em quando, seja no próprio show da banda ou em projetos paralelos.

Na semana passada, Edgar Winter liberou uma cover da música “Guess I’ll Go Away”, originalmente lançada por seu falecido irmão, a lenda do blues Johnny Winter, em 1970. A nova versão chega com os vocais de Edgar e de Taylor Hawkins, além de contar com participação do guitarrista Doug Rappoport.

A faixa integra o recém-lançado disco de Edgar, Brother Johnny. Em um comunicado assinado por Winter e sua esposa Monique, o músico explicou os motivos que o levaram a recrutar Hawkins para a música (via Pitchfork):

[‘Guess I’ll Go Away’] se destaca em minha mente como a música de maior energia e mais pesada de Rock de todo o álbum. Um precursor do Heavy Metal.

Por causa dessa qualidade incomum, queríamos uma abordagem mais jovem, mais enérgica e moderna do vocal. Nosso engenheiro, mixador e produtor (Ross Hogarth) trabalhou extensivamente com Taylor e eles eram amigos muito próximos. Quando Ross sugeriu Taylor (sendo um grande fã do Foo Fighters), eu disse UAU — que perfeito. E eu sei que Doug ficará absolutamente emocionado.

Eu tinha acabado de conhecer Taylor e mal o conhecia, mas fiquei tão impressionado com sua sinceridade, energia positiva e puro entusiasmo. Ele tinha um estilo único e espontâneo diferente de qualquer um com quem já trabalhei antes. Posso ser muito opinativo, mas assim que ouvi o que ele estava fazendo, soube que era melhor recuar, ficar fora do caminho e deixá-lo fazer o que queria. Aquela sessão foi uma experiência que jamais esquecerei.

Quando tentei abrir uma discussão de valores, ele simplesmente não quis ouvir. Ele disse — eu não quero NADA por fazer isso, eu só quero ir lá e fazer Rock. E Rock ELE FEZ! Não sei se foi por respeito a Johnny, desejo de me ajudar no que estava fazendo, compaixão pela natureza do projeto ou sua amizade com Ross. Muito provavelmente todas essas coisas — mas o que quer que fosse, ele deu tudo de si!

Ouça Taylor Hawkins cantando “Guess I’ll Go Away” ao final da matéria.

Lançamento póstumo de Taylor Hawkins

A nova versão da música de Johnny Winter marca o primeiro lançamento póstumo de Taylor Hawkins, que nos deixou em Março aos 50 anos de idade.

O baterista estava em turnê pela América do Sul com o Foo Fighters quando foi encontrado sem vida em seu quarto de hotel em Bogotá, na Colômbia, no dia 25 de Março.

Outro trabalho póstumo de Hawkins que deve chegar em breve é o novo disco de Ozzy Osbourne. De acordo com o produtor Andrew Watt, o músico tocou bateria em diversas faixas do disco.

Aliás, Ozzy revelou recentemente aos fãs que o sucessor de Ordinary Man, seu aclamado álbum de 2020, já está finalizado. Saiba mais aqui.

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!