Frejat
Crédito: reprodução

Na última semana, Frejat participou do programa Faustão na Band e comentou sobre a forma como o Rock é enxergado dentro da sociedade brasileira atual.

Para o veterano músico, o gênero perdeu a rebeldia que lhe era característica e esse espaço de questionamento foi ocupado por artistas do Hip Hop (via Whiplash):

Olha, eu acho que o repertório que a gente fez durante os anos 80 e 90 é muito forte. Acho que ele vai permanecer, mas eu não sinto o Rock tão forte nos meios de comunicação. Tem gente fazendo trabalho bom, mas eu acho que o Rock sempre representou um pouco de rebeldia, de inquietude. E eu acho que hoje o Hip Hop tomou o lugar do Rock nesse sentido, como uma música de inquietação, que a juventude manifesta essa rebeldia nela.

Concorda?

Alerta de Frejat para os novos talentos

No entanto, Frejat fez um alerta para os artistas mais voltados ao Rap para que o trabalho deles não seja saturado pelo mercado:

O que aconteceu com o Rock em algum momento vai acontecer com o Hip Hop: venderam picolé com o Rock, carro com o Rock… isso foi diluindo a rebeldia que o Rock representava para as pessoas.

O cantor, que participou do quadro Na Pista do Sucesso e relembrou alguns hits de sua carreira solo e do Barão Vermelho, ainda afirmou que “tudo é cíclico” e que o Rock pode recuperar sua veia rebelde. Será?

Veja a participação de Frejat no Faustão na Band a seguir ou no YouTube!

LEIA TAMBÉM: Detonautas lança o álbum “Esperança” com a participação de Frejat; ouça

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!

 

Compartilhar