Joey Jordison
Reprodução/Facebook

Celebrada no último dia 3, a 64ª edição do Grammy Awards foi criticada pelo público por esquecer algumas celebridades que nos deixaram no ano passado na tradicional homenagem In Memoriam. Enquanto a premiação lembrou de Marília Mendonça, por exemplo, acabou esquecendo outras perdas importantes para o Brasil e o mundo recentemente, incluindo Elza Soares e Joey Jordison.

Para os fãs de rock e metal, a ausência do falecido baterista do Slipknot, bem como as de Jon Zazula, fundador da Megaforce Records, e Graeme Edge, baterista e co-fundador do Moody Blues, foram realmente as mais impactantes. Apesar de ser uma ocorrência um tanto comum, a Recording Academy deu explicações dessa vez, dando a entender que a organização de fato esqueceu destes ícones.

Para a Rolling Stone, o produtor executivo do Grammy, Ben Winston, declarou que “só pode pedir desculpas porque entramos neste show querendo trazer alegria e amor para pessoas com música.” O representante ainda pontua que a Recording Academy, instituição responsável pelos indicados e vencedores do prêmio, também escolhe os homenageados do In Memoriam.

Vale lembrar que Jordison chegou a vencer um Grammy em 2006 pelo Slipknot. Concorrendo com Ministry, Mudvayne, Rammstein e Shadows Fall, a banda levou para casa o seu primeiro gramofone da carreira na categoria de Melhor Performance de Metal por “Before I Forget”.

Vítimas do Astroworld também foram esquecidas

No mesmo bate-papo, o produtor executivo ainda explicou que o Grammy “devia ter feito alguma coisa” diante da tragédia do Festival Astroworld 2021, que resultou em vítimas mortas e feridas após o esmagamento pela multidão.

“É um ponto muito justo”, concordou Winston quando relembrado pelo repórter do ocorrido no ano passado.

LEIA TAMBÉM: Louis C.K. ganha Grammy por álbum em que faz piada com acusações de abuso

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!

 

Compartilhar