Tom Morello e a
Foto via Equipboard

Tom Morello nunca escondeu que é um militante da esquerda, mas com frequência o guitarrista do Rage Against the Machine recebe mensagens de pessoas que se sentem ofendidas com seu posicionamento político.

Em uma recente participação do artista em um quadro de perguntas e respostas do Metal Hammer (via Loudwire), ele foi questionado sobre como se sente com alguns fãs dizendo para que ele fique longe da política.

Alfinetando as pessoas que criticam o fato dele expressar sua opinião política nas redes sociais, Morello declarou:

Tenho vários pensamentos. Uma é que você não aciona uma isenção de liberdade de expressão quando pega uma guitarra, esse direito permanece intacto.

Em segundo lugar, as pessoas que se ofendem com [minhas opiniões sobre] política no Twitter ou Instagram, por favor, saibam que é porque você não era inteligente o suficiente para saber sobre o que era a música que você estava ouvindo todos esses anos.

De nada pela música, mas se você é um supremacista branco ou um protofascista, essa música não é escrita para você – é escrita contra você.

Recado dado!

Tom Morello x Política

O guitarrista do RATM começou a expressar seu posicionamento político através de suas contribuições para o Rap Rock ativista presente nas músicas de sua banda na década de 1990.

Em 2021, Morello foi um dos diversos artistas que se manifestaram contra o ataque de apoiadores do ex-presidente Donald Trump ao Capitólio dos EUA, como te falamos aqui.

Além disso, o músico que lançou em 2021 seu álbum solo colaborativo The Atlas Underground Flood se uniu recentemente a Nandi Bushell e Serj Tankian para apoiar garotas afegãs que estão sendo perseguidas por serem artistas.

No ano passado, o músico também falou ao TMDQA! sobre a importância política do Rock and Roll e apontou para o quão atraente é criar músicas com conteúdos que são como um “cavalo de Tróia”.

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!