Shane O'Connor, filho de Sinéad O'Connor
Reprodução/Twitter
   

Uma notícia de arrasar corações nos pegou de surpresa neste sábado (8). Shane O’Connor, filho de 17 anos de Sinéad O’Connor, foi encontrado morto após passar dois dias desaparecido.

A notícia foi dada pela própria cantora, que ficou famosa graças ao hit “Nothing Compares 2 U”. Na mensagem, ela explicou que o filho “resolveu dar um fim às suas batalhas mundanas” e pediu para que ninguém siga o exemplo de Shane:

Meu belo filho, Nevi’im Nesta Ali Shane O’Connor, a própria luz da minha vida, decidiu dar um fim às suas batalhas mundanas e está agora com Deus. Que ele possa descansar em paz e que ninguém siga o seu exemplo. Meu bebê. Eu te amo tanto. Por favor esteja em paz.

A morte de Shane foi confirmada pela polícia, que foi avisada do desaparecimento do jovem na quinta-feira e reforçando a preocupação com o seu paradeiro na sexta-feira.

Sinéad O’Connor tentou contatar Shane nas redes sociais

Durante os dias em que o rapaz ficou desaparecido, Sinéad usou as redes sociais para tentar contato com o filho, deixando mensagens emotivas demonstrando seu amor por Shane. Ela escreveu no Twitter:

Shane, sua vida é preciosa. Deus não criou esse belo sorriso no seu belo rosto sem motivo.

Meu mundo iria cair aos pedaços sem você. Você é o meu coração. Por favor não faça ele parar de bater. Por favor não se machuque. Vá [à polícia] e vamos te levar para um hospital.

Em outra mensagem, ela tentou uma abordagem diferente:

Essa é uma mensagem para o meu filho, Shane. Shane, não tem mais graça isso de ficar desaparecido. Você está me deixando com medo pra caramba. Você poderia por favor fazer a coisa certa e se apresentar [à polícia]? Se você estiver com Shane por favor ligue [para a polícia] pela segurança dele.

De acordo com a polícia, o corpo foi encontrado na região de Bray, em Wicklow, cidade ao sul de Dublin, na Irlanda. A identificação foi realizada e a busca por Shane foi finalizada.

Sinéad diz que irá processar hospital

De acordo com as publicações de Sinéad no Twitter, Shane estava em um hospital da Irlanda justamente por preocupações com sua saúde mental. Ele estaria, inclusive, em observação por conta do risco de suicídio.

Em suas postagens, a mãe tem direcionado a culpa da situação para o Estado irlandês, pedindo que “Deus os perdoe” porque ela “jamais irá”. Antes do falecimento de Shane, ela chegou a postar que iria processar o hospital se qualquer coisa acontecesse com o jovem, se mostrando indignada com o fato de uma pessoa em observação por risco de suicídio ter desaparecido do local.

Que descanse em paz e que Sinéad possa encontrar conforto nesse momento tão difícil.

 
Compartilhar