Eerie Please
Crédito: divulgação
   

O projeto musical Eerie Please lançou nas plataformas digitais o EP Lover’s Eyes.

O compacto apresenta cinco faixas marcadas por sintetizadores nostálgicos que criam uma atmosfera dance-cry. O título do trabalho tem conceito baseado nas antigas joias conhecidas como “lover’s eyes”, miniaturas de olhos pintadas à mão tidas como símbolo de afeição.

Em Agosto de 2020, o single de estreia “All of Us Girls” foi escolhido por Chloë Sevigny como umas das 11 músicas a integrar a trilha sonora do especial da série da HBO We Are Who We Are na rádio NTS, junto com nomes como Mazzy Star e Lana Del Rey.

Black Oyah

Black Oyah
foto: divulgação

A banda Black Oyah disponibilizou nos serviços de streaming a canção de estreia “Dark Matter”, que homenageia a cultura e crenças Afro.

Formado por Leonardo Navarro (vocais/guitarras/synths), Felipe Fuchs (vocais, baixos) e Michel Fauth (bateria), o grupo prepara para o fim de Janeiro o lançamento do EP que dá nome à faixa.

“As músicas falam de forma subjetiva sobre racismo, ou sobre o que o racismo influenciou em minha experiência de vida, de forma subliminar, em um primeiro momento, muito motivado por infelicidades como a do George Floyd, as ações do Black Lives Matter e experiências pessoais, além de abordar esse período inseguro de pandemia,” comenta o vocalista Leonardo.

MARSU FRONTINI

MARSU FRONTINI
foto: reprodução

A banda capixaba MARSU FRONTINI divulgou no YouTube o clipe feito para a música “Abram Alas”.

O vídeo de temática circense foi roteirizado pelo próprio grupo, formado por Marsu Frontini (vocal), Aulus Leonardelli (baixo), Rodrigo Monfardini (guitarra), Vitor Scardua (guitarra) e  Gregory Ventura (bateria).

Todos eles também interpretam personagens do vídeo.