Michael Nesmith, do The Monkees
Foto via Wikimedia Commons

Tem gente que literalmente vive pela música e, aparentemente, Michael Nesmith era um exemplo disso.

O integrantes dos Monkees se despediu dos palcos no dia 14 de Novembro e acaba de falecer aos 78 anos de idade — pouco menos de um mês depois de cantar pela última vez ao lado de Micky Dolenz, que agora é o único membro sobrevivente da banda. Os outros integrantes originais, Davy Jones Peter Tork, faleceram respectivamente em 2012 e 2019.

A notícia da passagem de Nesmith foi dada por sua própria família em um comunicado à imprensa:

Com Amor Infinito nós anunciamos que Michael Nesmith faleceu nesta manhã em sua casa, cercado pela família, pacificamente e de causas naturais.

O empresário do grupo, Andrew Sandoval, também falou sobre a morte de Michael em uma postagem nas redes sociais:

É com profunda tristeza que eu marco a passagem de Michael Nesmith. Nós dividimos muitas viagens e projetos juntos através de 30 anos, que culminaram com a turnê de despedida dos Monkees finalizada apenas algumas semanas atrás.

Essa turnê foi uma bênção para tantos. E no fim eu sei que o Michael estava em paz com seu legado que incluiu composições, produções, atuações, direções e muitas ideias e conceitos inovadores. Eu tenho certeza de que o brilho que ele capturou vai ressoar e oferecer o amor e a luz em direção aos quais ele sempre se moveu.

‘Nez’ expressava a maior parte de sua existência através de sua voz. E você não conseguiria chegar mais perto dele do que conhecendo seu trabalho. Que todos aqueles que o amavam sintam o conforto dele neste momento — só ouçam e ele estará ali pra vocês.

Que descanse em paz.

Michael Nesmith e os Monkees

Os Monkees surgiram lá nos anos 60, se tornando virtualmente o único grupo a rivalizar com a Beatlemania através de suas exibições na TV. O sucesso na telinha foi tanto que a banda começou a tomar os palcos, mas teve um hiato já em 1970.

Entre os maiores sucessos da banda, que teve Nesmith como guitarrista e compositor durante vários anos, estão “I’m a Believer”, “Daydream Believer”, “Me & Magdalena” e “Last Train to Clarksville” — todos grandes clássicos que certamente ficam eternizados na história da música.

Você pode conferir mais detalhes sobre o último show dos Monkees clicando aqui.

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!

 

Compartilhar