Seventeen Sunsets - falling down (falling out)
Imagem: Capa / Reprodução
 

2021 marcou a volta do Emo e do Pop Punk ao mainstream. Além da nostalgia de curtir os grandes nomes dos gêneros, toda essa movimentação ainda nos presenteou com novos artistas surgindo e trazendo frescor à cena, como a banda curitibana Seventeen Sunsets.

O grupo é um dos nomes da nova safra de artistas do pop punk nacional, tendo lançado recentemente o seu mais novo EP, falling down (falling out), que chega às plataformas digitais com quatro faixas inéditas.

falling down (falling out)

O registro veio ao mundo dois meses após o EP de estreia da Seventeen Sunsets, Midnight Lights, e apresenta uma nova fase da banda, marcada por uma sonoridade mais ousada e experimental num projeto inteiramente autoral e independente.

Segundo o vocalista e baixista Leonardo Ereno, o trio aproveitou o intervalo entre os dois lançamentos para voltar-se para dentro de si mesmos e buscar novas referências:

A gente se permitiu ser um pouco mais íntimo, viscerais e também trazer mais influências para além do pop punk. Isso acabou tornando a gente mais experimental nesse sentido instrumental das músicas.

O lançamento do EP foi antecipado pelo single temático de Halloween “jigsaw“, que recebeu um videoclipe com fortes influências do cinema de terror oitentista, sobretudo do subgênero slasher. Você confere a produção audiovisual logo abaixo.

Continua após o vídeo

Seventeen Sunsets

Além de Leonardo Ereno (vocais e baixo), a Seventeen Sunsets conta com Leonardo Simões (vocais e guitarra) e André Santos (bateria). O trio foi formado em Curitiba – PR unindo três amigos que tinham uma paixão em comum: o pop punk.

Fãs de blink-182 e motivados pelo retorno do gênero aos holofotes, a banda nasceu durante a pandemia do COVID-19 e, mesmo com todas as complicações envolvendo o período de distanciamento social, deu início à produção do primeiro EP, agora sucedido pelo lançamento de falling down (falling out).