Elton John
Foto: Ludmila Joaquina Valentina Buyo, via Flickr
Ouça o novo disco de Diego Tavares!  

Elton John revelou recentemente que alguns traumas de sua infância ainda refletem em seu comportamento.

O músico de 74 anos de idade já foi bastante conhecido por sua postura muitas vezes explosiva, principalmente pelo uso excessivo de drogas e álcool, no auge de sua lendária carreira. Esse tema foi bastante retratado no filme biográfico Rocketman (2019).

Hoje em dia, o apoio de seu marido Dave Furnish e seus 31 anos de sobriedade o ajudam a controlar certos impulsos e atitudes, mas John declarou ao The Guardian (via UCR) que ainda luta contra alguns desses comportamentos. Ele disse:

Não fui cruel com ninguém […] Não sou horrível com as pessoas. Não tenho orgulho dessas coisas, não, me dá arrepios. Meu comportamento era tão errático e imprevisível. E ainda está em mim, [a possibilidade de] explodir a qualquer momento. Há muito tempo tento trabalhar nisso e tenho um marido maravilhoso que sabe como me tirar dessas coisas.

Elton tentou justificar algumas de suas ações apontando para sua carreira como cantor, mas em seguida admitiu que as atitudes também estão relacionadas a sua infância. Ele explicou:

Acho que é uma coisa artística — os artistas podem ser tão autodestrutivos às vezes, sem motivo. Posso ter um dia em que tudo na minha vida esteja indo tão bem e me levanto e sinto que o mundo está contra mim. Por que, eu não sei.

A auto-aversão, não ter auto-estima, vem de quando eu era criança. [O] jeito que era nos [anos 50], você levava um tapa na cara, você levava uma boa surra. ‘Foi muito bom para você’ – não foi bom para mim. Isso me deixou pisando em ovos.

Como resultado desses acontecimentos, Elton lembra que permaneceu “com medo de falar com alguém” até que conseguiu ficar sóbrio. Ele conta:

Quando fui para o tratamento, perguntaram-me como me sentia e eu disse: ‘Não sei, não sinto nada.’ Fui descongelado, por assim dizer, e descobri que tinha sentimentos, e eles eram de muito tempo atrás. E acho que ficará com você por toda a sua vida […] Só tenho sentimentos terríveis sobre mim mesmo; às vezes me sinto mal comigo mesmo.

Elton John e novos artistas

Recentemente, o cantor destacou em seu programa Rocket Hour, na Apple Music, que se sente particularmente inspirado quando ouve trabalhos de artistas mais novos e citou Lorde, Billie Eilish e Dua Lipa como algumas de suas novas cantoras favoritas.

Na conversa com o The Guardian, John apontou que descobrir novas músicas o manteve positivo:

Eu tenho o entusiasmo de um jovem de 18 anos e o entusiasmo me faz continuar.

Na última sexta-feira (22), Elton John lançou seu álbum colaborativo The Lockdown Sessions, com participações de Stevie Wonder, Miley Cyrus, Eddie Vedder, Lil Nas X, Stevie Nicks e muito outros artistas. Ouça aqui.

Ouça a nova música de Juliah!      
Compartilhar