Paul McCartney chama The Rolling Stones de
Divulgação | Wikimedia Commons
 

Paul McCartney voltou a fazer comparações entre os Beatles e o Rolling Stones ao refletir sobre o legado de sua antiga banda.

Em entrevista ao The New Yorker (via Rolling Stone), o lendário músico indicou que o Fab Four teria trabalhado com uma gama musical mais ampla do que o grupo liderado por Mick Jagger.

No papo, Macca declarou:

Não tenho certeza se deveria dizer isso, mas eles são uma banda de covers de blues, é mais ou menos assim que os Stones são. Acho que nossa rede foi lançada de forma um pouco mais ampla do que a deles.

Paul McCartney, Beatles e The Rolling Stones

A supostarivalidade” entre as aclamadas bandas britânicas sempre foi muito comentada, e essa não é a primeira vez que McCartney provoca o The Rolling Stones.

No ano passado, o baixista, vocalista e compositor dos Beatles disse em entrevista a Howard Stern que concordava com o apresentador sobre sua banda ser melhor que os Stones, e após fazer alguns comentários sobre o grupo, declarou ser fã deles e comparecer aos shows quando consegue.

Ele disse:

Os Stones são um grupo fantástico. Eles estão enraizados no blues. Quando eles estão escrevendo coisas, tem a ver com o blues. Considero que tivemos um pouco mais de influências. Há muitas diferenças e eu amo os Stones, mas estou com você. Os Beatles eram melhores.

Pouco tempo depois, Mick Jagger se manifestou sobre os comentários do colega de música. Durante uma entrevista com Zane Lowe, o vocalista dos Stones aproveitou para também falar sobre a diferença entre as duas bandas e reforçar que não existe um “duelo” entre os grupos.

Ele declarou:

Isso é tão engraçado. Ele [Paul McCartney] é um amor. Obviamente, não há competição. Os Rolling Stones foram uma grande banda de grandes shows em outras décadas e outras épocas, sendo que os Beatles nem mesmo fizeram uma turnê em estádios.

Eles se separaram antes que esse negócio começasse, o negócio de turnês de verdade não começou até o final dos anos 60… Essa é a verdadeira grande diferença entre essas duas bandas. Felizmente, uma banda ainda toca em estádios e a outra não existe.

Recentemente, Paul McCartney falou sobre a separação dos Beatles e afirmou que diferente do que muitos pensam sobre ele ter sido o culpado pelo fim da banda, ele apontou que o responsável por isso “foi o nosso Johnny”, se referindo a John Lennon. Saiba mais aqui.

 
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.