Flow Casimiro
Reprodução/YouTube
 

“Simplesmente o moleque mais falado do momento”. Se você conhece o Casimiro, provavelmente já associou na hora a frase com a atual situação que vive o comentarista esportivo que conquistou um público gigante nos últimos tempos como streamer na Twitch.

Essa mesma frase também faz parte da letra de “Flow Casimiro”, nova música dedicada ao “rei do entretenimento” feita por Álvaro Mamute, que se descreve como “rapper, roteirista, diretor, filósofo, youtuber, bonito pra caralho e humilde”, além de ser amigo próximo do streamer.

O Rap serviu como uma homenagem à emocionante trajetória do Caze, que foi surpreendido e se emocionou quando ouviu a faixa pela primeira vez durante uma de suas lives.

Você pode conferir abaixo a versão original de “Flow Casimiro”, bem como a reação do streamer e a letra completa. Aproveite e se inscreva também no canal de Álvaro Mamute.

Flow Casimiro

Letra

O sucesso é karma que bate na porta quando a gente toca
O coração de pessoas e tira tudo que sufoca
Eu sei que foi acidente, mas só por quão de repente
Vi tanta gente me dizer que eu tava lá tão presente
Mas…
Eu nunca nem saí da minha casa
Foi minha cabeça que fez minhas palavras terem asa
Eles dizem que a paz que eu trago é fundamental
Como se eu nunca encontrei paz nem no meu quintal?
É sensacional, eu não dormia porque a vida não deixava
Hoje eu não durmo porque a noite nunca acaba
E acaba que todo lado tem alguém que me conhece
Que diz que me entende e sabe tudo que acontece
E onde é que vocês tavam quando eu tava ali sentado sozinho
Pensando: Qual é que vai ser o meu caminho?
Os meus gols são de placa, até sendo de sola
Acabo com as certezas de quem não era nerdola
Ser gordo tá na moda, hoje os lanche que me paga
Com pé pro alto nas mansão do Augusto Braga
Quem é que flagra o moleque que comia nos podrão
E hoje troca DM com jogador da seleção?
Quando ganhar era sonhar, e todo sonho é demais
Eu quis deixar inseguranças pra trás
E que se foda o diploma, a faixa, a camisa 10
Se eu tô bem eu boto o mundo aos meus pés
Sem boot do Travis eu ainda sou o mais alto no quarto
Meti essa e tá na hora do parto
Simplesmente o moleque mais falado do momento
Simplesmente a cabra da porra do entretenimento
Eu fiz do meu jeito, sem nunca esfregar na cara
Dos professores que disseram que eu não ia virar nada
Dos amigos que jogavam comigo de madrugada
E que diziam que eu tinha que largar minhas paradas
Não sou melhor só porque acerto nos alvos que eu miro
Eu fiz o que eu queria e foda-se, Flow Casimiro
Ainda pago minhas conta com o que ia me falir
Melhor que viver a vida toda de fingir
Eu nunca fugi das responsa que eu criei
Nunca neguei que meu negócio era ser rei
Mas me fiz de bobo, e me encontrei nesse riscado
Se você riu eu já te trouxe pro meu lado
 
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.
 
Compartilhar