R. Kelly
Foto de R. Kelly via Shutterstock
 

Nesta segunda-feira (27), R. Kelly foi condenado em um tribunal federal de Nova York, nos Estados Unidos, por extorsão e tráfico sexual de mulheres e menores de idade.

De acordo com a Consequence, o julgamento começou em 18 de Agosto e de lá para cá 45 testemunhas prestaram seus depoimentos perante a Corte. As sessões no tribunal contaram com mensagens de texto, vídeos e gravações em áudio trocadas entre o artista e suas vítimas.

No total, o cantor de R&B enfrentou nove acusações e foi condenado por um júri composto por sete homens e cinco mulheres. A deliberação do veredito foi iniciada na tarde da última sexta-feira (24).

Agora, o cantor de 54 anos pode enfrentar décadas de prisão após a sentença, marcada para 4 de Maio de 2022. Ele está preso desde Julho de 2019. A procuradora interina do Distrito Leste de Nova York, Jacquelyn Kasulis, falou sobre a decisão:

O veredito de culpado de hoje marca para sempre R. Kelly como um predador, que usou sua fama e fortuna para atacar pessoas jovens, vulneráveis ​​e sem voz para sua própria satisfação sexual.

Um advogado de Kelly considera entrar com um recurso e disse estar decepcionado com decisão do júri.

R. Kelly e posse de pornografia infantil

Os problemas de Robert Sylvester Kelly com a justiça vêm de longa data. Em 2008, R. Kelly havia sido absolvido das acusações de pornografia infantil em um julgamento estadual de Illinois, nos Estados Unidos.

No ano passado, já na cadeia, ele foi espancado por um outro presidiário enquanto estava em sua cela no Metropolitan Correctional Center, em Chicago.

Processos civis contra R. Kelly

Aliás, não é somente na prisão que o artista presencia sua ruína, já que o artista também encara diversos processos na esfera civil.

Recentemente, uma mulher venceu um caso contra o cantor e recebeu indenização no valor de US$4 milhões (o que representa quase R$22 milhões). Ela acusava Kelly de ter lhe abusado sexualmente quando tinha 16 anos.

Que triste fim de carreira!

   
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.
 
Compartilhar