Foto: Stephanie Hahne
 

O reflexo do atual governo do Brasil tem gerado cada vez mais preocupação, e uma questão muito delicada que vem atingindo milhões de brasileiros é a fome.

Badaui, vocalista da banda CPM 22, utilizou sua conta do Twitter para falar sobre os inúmeros pedidos de ajuda que vem recebendo de famílias que estão sem alimento e aproveitou para manifestar seu desejo de ver o presidente Jair Bolsonaro fora do seu atual cargo. Ele escreveu:

Muito triste a situação do país, eu nunca recebi tanta mensagem de pessoas, famílias inteiras, desesperadas sem ter o que comer! Antes recebia de gente querendo trampo ou de quem tem filhos com doenças raras com tratamento caro, agora muita gente pedindo COMIDA! #ForaBolsonaro.

Muitos internautas responderam a publicação do cantor relatando que, mesmo tentando ajudar pessoas que se encontram nesta situação, está se tornando muito complicado manter as doações.

Em Agosto, o iG publicou uma matéria alertando que cerca de 41% da população brasileira, ou 84,9 milhões de pessoas, convivem com fome ou algum grau de insegurança alimentar.

Os dados são da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) divulgada pelo IBGE, no dia 19 de Agosto deste ano, que analisou o período entre 2017 e 2018. Como estes números se referem a um momento anterior à pandemia, a tendência é que, infelizmente, eles estejam ainda maiores.

Como destaca um dos recentes episódios do Podcast O Assunto do portal G1, intitulado “O Brasil com fome de novo”, o país que saiu do mapa da fome da ONU em 2013 retornou ao mesmo nível de insegurança alimentar do início dos anos 2000, com quase 10% dos brasileiros sem ter o que comer.

Uma triste e preocupante realidade do nosso país.

LEIA TAMBÉM: “Não seja um idiota”: Badaui (CPM 22) faz apelo por vacinação contra COVID

Badaui (CPM 22) fala sobre a fome no Brasil

 
Compartilhar