Corey Taylor
Crédito: reprodução
 

Antes de se recuperar da COVID, Corey Taylor participou de um bate papo virtual que fez parte de um evento da GalaxyCon e foi publicado no canal no YouTube Billy D na última quinta-feira (26).

Na conversa com um fã, o vocalista do Slipknot revelou que acredita ter sido infectado pela COVID em um de seus shows para promover seu álbum de estreia solo, CMFT (2020).

O cantor, que entrou no link diretamente de um quarto de hotel em Denver onde cumpria a quarentena, afirmou que um “fã egoísta” foi responsável pelo seu diagnóstico (via Billboard):

“Tento manter minha máscara levantada o tempo todo,” começou ele, que contraiu a doença mesmo vacinado e agradeceu o imunizante por lhe possibilitar uma recuperação. Ele completou:

Você tenta confiar que as pessoas estão vacinadas ou com as máscaras no rosto e respeitando distanciamento social ou pelo menos testando negativo antes de ir para algo assim. Às vezes, você simplesmente cruza com essas pessoas egoístas que não se importam com isso. Acho que foi isso que aconteceu comigo – alguém veio a um dos meus shows e estava doente na plateia e provavelmente deixou várias pessoas doentes, cara.

Novo álbum do Slipknot

No vídeo, Corey Taylor também revelou que está quase terminando de gravar os vocais do próximo disco do Slipknot, faltando apenas três faixas. O álbum será o sucessor de We Are Not Your Kind (2019).

Em Setembro, o grupo trará de volta o Knotfest para sua cidade natal, Iowa. Depois, a banda vai sair em turnê pelos Estados Unidos com os grupos Killswitch EngageFever 333 e Code Orange.

No total, o Slipknot tem 25 shows marcados em território americano até Novembro, e já tem passagem confirmada pelo Brasil em 2022 também com o Knotfest.

LEIA TAMBÉM: Slipknot e Gloria Gaynor unem forças em mashup improvável e incrível; ouça

 
Compartilhar