Daniel Johns (Silverchair) divulga música inédita
 

Quem conhece a história do Silverchair sabe que a banda foi um verdadeiro fenômeno, em especial pela idade de seus músicos. Não à toa, o frontman Daniel Johns acabou se tornando conhecido não apenas por seus talentos, mas por alguns problemas com a fama e todas as suas consequências.

A banda estourou quando os australianos, inclusive Johns, ainda estavam no colégio. Sem dúvidas, a mídia da época somada à histeria de fãs pesou na vida de Daniel, que há algum tempo tem ficado afastado da música de forma geral. Em uma nova e íntima publicação no Instagram, ele explicou essa decisão:

Querido Qualquer Um,

O mundo está em uma ordem muito estranha no momento. É bem confrontador e confuso. O motivo pelo qual eu não lancei música não é esse. Às vezes eu preciso me sentir como um ser humano e sentir o que os outros seres humanos sentem sem acreditar que eu sou importante ou criativo. Eu não sou. Eu preciso criar. Não há necessidade das pessoas verem, ouvirem ou apreciarem isso.

Eu tenho aprendido que quanto mais eu estou longe das opiniões das pessoas mais forte eu fico. A arte não é uma forma de receber validação. Eu acredito que é uma forma de se sentir conectado com o que quer que seja isso e não uma forma de fazer as pessoas sentirem algo por você. Eu não tenho certeza do que estou fazendo? Mas eu sei como eu quero fazer.

Em uma época onde as pessoas precisam ser guiadas eu não posso ajudar uma vez que eu também estou procurando isso. Isso não é um pedido de ajuda / isso é uma forma de dizer para qualquer um que esteja ouvindo ou lendo que é ok estar confuso, desiludido, entristecido. Também é ok estar inspirado, otimista e corajoso.

Do limitado conhecimento que eu tenho a única forma de entender essa realidade distorcida é aceitar que nós não sabemos de nada além de que o amor é real, a amizade é real e que a habilidade de ter a cabeça aberta é vital. Sejam livres para sentir, livres para curar, livres para chorar, rir, serem vulneráveis, serem tristes, serem furiosos etc.. Só tentem saber que o mundo quer que vocês sejam bons e verdadeiros. Esse é um mantra que eu vou tentar falar pra mim mesmo também.

Às vezes é difícil e às vezes é mais difícil do que sequer podemos compreender, às vezes é até fácil. Sejam calmos e aceitem a anarquia e a rebelião / inteligência e bondade. Corram para as colinas ou para o oceano se precisarem? Além de tudo todos nós vamos morrer então tentem se divertir um pouco.

Recado dado! Claro que a gente torce por novas músicas de Johns no futuro próximo, mas a prioridade é sempre estar bem. Você pode ver o post do músico logo abaixo.

Desabafo de Daniel Johns

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Daniel Johns (@danieljohnshq)

 
Compartilhar