The Beatles por Robert Freeman
Foto por Robert Freeman
 

O aguardado novo documentário dos Beatles chegará em breve e o diretor Peter Jackson apontou que a minissérie de três episódios irá surpreender os fãs.

Em entrevista ao portal GQ (via NME), o cineasta conta que Get Back, que teve seu material extraído de 56 horas de filmagens inéditas do Fab Four, focará mais em conversas do que em música.

Jackson acredita que os fãs da banda irão se surpreender com a série principalmente por dois motivos, incluindo o fato dela ser bastante “íntima”. Ele explica:

Primeiro, vai ser muito mais íntimo do que eles imaginavam, porque todo mundo está acostumado a ver documentários musicais meio MTV, meio que juntos de um jeito meio pop e é só música, música , musica, sabe? A música não está na vanguarda deste filme: estranhamente, é o que acontece por trás da música [que está] na vanguarda.

Quer dizer, mesmo no show na cobertura [do Apple Studios de Londres], temos o conceito de que estamos interligados o tempo todo com a rua e com o policial e tudo mais.

E isso é realmente verdade para toda a série — não é uma sequência de videoclipes da MTV deles fazendo músicas. Provavelmente há mais conversas com os Beatles nas filmagens do que de fato eles cantando.

Já o segundo aspecto que para ele irá chamar atenção do público é o senso de humor apresentado nas filmagens:

E outra coisa que acho que vai surpreender as pessoas é como os filmes são engraçados, o que, considerando a reputação desta filmagem e do filme ‘Let It Be’, você não associa a janeiro de 1969, mas são filmes muito engraçados.

Já estamos ansiosos por aqui, hein?!

The Beatles: Get Back

Após seu lançamento ser novamente adiado por conta de atrasos na produção, a estreia do primeiro episódio de Get Back está prevista para 25 de Novembro na plataforma de streaming Disney+.

Os outros dois chegarão nos dias seguintes, com a minissérie estando totalmente disponível em 27 de Novembro.