Lemmy Kilmister Motörhead
Reprodução/YouTube
 

Se você teve a sorte de ir a um show do Motörhead, sabe bem o quanto a banda fazia barulho. E no melhor sentido!

Lemmy Kilmister prezava pelo volume alto de suas apresentações, e era difícil deixá-lo satisfeito. No vídeo abaixo, trecho de um documentário sobre a banda, é possível ver o baixista pedindo para aumentar ainda mais o som, enquanto seus colegas tampam os ouvidos com as mãos.

Até Slash, amigo de longa data do grupo, tirou um sarro do quão alto era o volume nos shows dos caras. E não por menos: no vídeo, é possível ver o nível de decibéis chegar a 120 — o barulho que um jato militar produz. Sério.

Motörhead e o barulho

Em 1986, o jornalista Scott Cohen, da Spin, publicou um artigo chamando a banda de “a mais barulhenta do mundo”. No texto, Cohen conta que seu ouvido sofreu danos quando ele foi a uma apresentação do grupo em Cleveland, naquele ano. No dia, os decibéis chegaram a 130, batendo assim o recorde do The Who.

Assista ao vídeo abaixo e relembre a potência dos caras.

LEIA TAMBÉM: Ozzy Osbourne elege Lemmy como “Deus do Rock” e conta história incrível com lenda do Motörhead

 
Compartilhar