Morrissey na Broadway
Foto: Reprodução/Instagram
 

Apesar de todo seu talento musical, Morrissey infelizmente tem se tornado cada vez mais notável pelas besteiras que fala do que por seu trabalho.

Enquanto procura por uma gravadora para lançar seu novo disco, o vocalista ex-The Smiths fez uma entrevista com seu sobrinho (!) para falar sobre o tempo de pandemia e chegou até a comparar essa nova “versão” da sociedade nos últimos meses com a escravidão.

O cantor mencionou que a época da “CON-VID”, um trocadilho com a palavra “con” (farsa ou golpe, em inglês) e COVID, faz com que “ninguém possa concordar com ninguém” e citou que isso é o principal problema da doença — para ele, pelo visto, os milhões de mortos por ela não contam. Nas palavras de Moz:

[A COVID] trouxe à tona o pior das pessoas, e nós nunca estivemos juntos nessa. Nós estamos sendo obrigados a não ver nem ouvir outras pessoas e, acima de tudo, você quer estar com outros que vêem e ouvem o que você vê e ouve, porque esse é o oxigênio básico para a alma humana. Retire isso e as pessoas estão mortas.

Morrissey também concordou com seu sobrinho, que disse que a quarentena imposta pela COVID é algo parecido com a escravidão, e complementou dizendo que “impostos e [o fato de] pessoas estarem sendo forçadas à pobreza” são também exemplos de uma escravidão moderna de acordo com sua (péssima) concepção:

Nossa liberdade no presente é restrita a visitar supermercados e comprar sofás. O governo age como imperadores chineses… ‘Nós vamos permitir que você viva como nós vivemos se você se comportar’.

A mania de perseguição e o ego gigante de Moz, aliás, também vieram à tona quando ele foi questionado sobre as tentativas de cancelamento que recebeu na internet. Ele respondeu ao sobrinho:

Você não pode cancelar alguém que sempre esteve cancelado. Quando foi que você me viu pela última vez na televisão ou me ouviu na rádio? Eu sem querer inventei a condição de estar cancelado!

Triste fim para um dos músicos mais espetaculares de seu tempo.

LEIA TAMBÉM: Quem será? Johnny Marr diz que membro do The Smiths era “obcecado” por mídia e notoriedade

 
Compartilhar