Max Cavalera no That Metal Show
Ouça a Playlist Climão de Dia dos Namorados!   Ouça o novo álbum do Melim!  

Em entrevista para a Metal Hammer, Max Cavalera revelou que sua saúde mental estava bastante prejudicada nos últimos 12 meses e que sua nova banda, cujo som foi definido como “metal das cavernas”, foi responsável por salvar sua sanidade e carreira.

Trata-se da Go Ahead And Die, que também conta com o filho do músico brasileiro, Igor Amadeus Cavalera. O ex-integrante do Sepultura explica como isso aconteceu:

Todo mundo estava ficando louco por causa da pandemia. Havia uma nuvem preta ao redor, e ninguém tinha nada para fazer. Então ao gravar este álbum, eu tive uma razão para sair da cama e fazer algo da minha vida. Salvou minha sanidade.

Relação pai e filho

Max também falou sobre a experiência de estar em um grupo junto com o filho, o que nunca havia acontecido:

Eu sempre tive uma ótima conexão metaleira com o Igor desde que ele era pequeno. Eu mostrei para ele bastante coisa da minha época, como Celtic Frost e Discharge, e ele também me mostrou coisas novas como Full Of Hell e Genocide Pact.

Em Abril, a Go Ahead And Die liberou o clipe para a faixa “Toxic Freedom”, que você pode conferir a seguir. O disco de estreia do grupo, autointitulado, chega nesta sexta-feira (11).

LEIA TAMBÉM: “Infantil”: em 2016, Max Cavalera criticava líder do KoRn por acusações de plágio em “Roots”