MURAIS
Foto por Ana Viotti
 

🇵🇹 MURAIS

O projeto MURAIS, do multitalentoso Hélio Morais (Linda Martini / PAUS / HAUS Estúdio), vem agitando a modernidade pop portuguesa e avança pelo futuro adentro com o seu álbum de estreia homônimo, lançado recentemente.

O registro foi produzido pelo brasileiro Benke Ferraz, do Boogarins, numa simbiótica relação de trabalho à distância que resulta num disco pop em estado puro, onde Hélio assume a voz para pintar amplos retratos poéticos das suas próprias ideias.

Estas canções sempre foram muito íntimas para mim, no sentido em que me vejo colocado num sítio desconfortável, mas onde quero estar. Foi assim que, quando estive com os PAUS no Brasil, em Maio, decidi mostrar as canções ao Benke, que não sendo um estranho, tinha o distanciamento que achava necessário para ouvir o que tinha gravado. E foi assim que esta aventura começou a tornar-se real.

Com uma dúzia de álbuns na bagagem, Hélio não teme escapar do conforto de horizontes já conhecidos para experimentar novas vistas, expondo o lado mais secreto de si no novo projeto. Dentre as 10 faixas que compõem o disco, um destaque para “Marialva“, que traz a participação do baiano Giovani Cidreira. A ponte de Hélio com o artista brasileiro aconteceu através de Benke.

Quando estávamos finalizando as estruturas das canções do disco, o Benke achou que a voz do Giovani Cidreira ficaria muito bem na música. Não precisou me convencer. Giovani é um dos artistas que mais me emocionam. A sua interpretação é genuína e toca-me muito. Nem queria acreditar que ele toparia participar na música. Fiquei muito feliz com o resultado final.

A seguir, confira o clipe de “Marialva”, filmado em Lisboa, com direção de Ana Viotti. O álbum Murais se encontra disponível nas plataformas digitais.

 

🇮🇳 Mali

Mali
Foto por Rema Chaudhary

A cantora indiana Mali é um dos grandes destaque da cena indie pop asiática. A artista lançou recentemente o videoclipe para a deliciosa “Live Again“, que integra o seu álbum solo de estreia Caution to the Wind, lançado em Abril de 2021.

Trata-se de uma música esperançosa em meio a dias complicados. No vídeo, que apresenta um clima noir e cinematográfico, ela usa os rituais de destruição para reconstrução, presentes em tantas mitologias e religiões, como uma metáfora de um processo de transformação pessoal.

Mali já colaborou com o vencedor do Grammy e Oscar AR Rahman, compôs para filmes de Bollywood e foi considerada uma das 30 personalidades mais influentes abaixo dos 30 anos pela Forbes India. Recentemente, ela foi selecionada para fazer parte do “Global RADAR”, do Spotify.

Com oito faixas, o álbum Caution to the Wind, que se encontra disponível nas principais plataformas de streaming, consolida Mali como uma das novas vozes da cena alternativa asiática.

Este é um trabalho sobre como superar os tempos difíceis e buscar a luz em situações sombrias. É um álbum agridoce que muda frequentemente entre ser dolorosamente realista e cautelosamente otimista.

🇫🇷 Loo & Monetti

LOO-&-MONETTI
Foto: Divulgação

A dupla francesa de pop eletrônico Loo & Monetti apresenta em sua sonoridade um encontro entre o eletro, a música polimórfica e o sabor dos anos noventa. Um gostinho dessa deliciosa mistura pode ser conferido no novo single do duo, “Goodbye“.

A música chegou acompanhada por um videoclipe que revela sua hipersensibilidade e seu universo inspirado no cinema. Com codireção de Stéphane Lamalle, o vídeo foi filmado no frio do mês de Janeiro, no bairro Capelette, em Marselha. A produção, que fala sobre os mortos e os vivos, foi coreografada com os dançarinos do coletivo Maraboutage.

No palco, Loo & Monetti gostam de se apresentar em espaços inusitados, como marquises, capelas antigas e grandes teatros, e convidam o público para um mergulhar no seu universo de trance e dança.