Chorão explicando a história de
Reprodução/YouTube
Ouça a Playlist Climão de Dia dos Namorados!   Ouça o novo álbum do Melim!  

Um dos maiores atrativos do Charlie Brown Jr. eram, sem dúvidas, as letras do nosso saudoso Chorão. O “marginal alado” sempre teve um dom para relatar situações cotidianas de um jeito especialíssimo e muita gente se lembra bem do sucesso “Confisco” como um ótimo exemplo disso.

A canção que esteve no disco Preço Curto, Prazo Longo, de 1999, foi um dos maiores hits da banda e narrava uma situação curiosa, por falta de uma palavra melhor. Basicamente, toda a temática da faixa era a experiência de ser despejado de uma casa — inclusive com a penhora de bens pela falta de dinheiro para pagar o que era devido.

Em 2000, durante uma entrevista para a MTV Brasil, Chorão falou justamente sobre os perrengues de sua vida que inspiraram essa música:

Foi uma letra que eu fiz porque eu fui despejado algumas vezes por dificuldade financeira, morou? Apesar do meu pai trabalhar pra caramba, algumas vezes ele teve dificuldade pra conseguir pagar o aluguel. Então, tipo, veio uma coisa assim, desde pequeno eu sou despejado, não sei por que. [risos] Já fui despejado várias vezes, então é uma coisa que está no meu inconsciente mesmo.

O lance do oficial de justiça, campainha tocou e é o oficial de justiça com o dono do apartamento e o advogado e não sei quem, e botava pra fora mesmo… Porque é o sistema, até onde eu sei, vai assim: se você é despejado e não tem condição de pagar aquilo, eles penhoram algumas coisas, tá ligado?

É claro que, felizmente, o jogo virou e o vocalista pôde deixar isso eternizado apenas em formato de história. A canção acabou virando uma das mais emblemáticas da banda e foi até parar na trilha sonora de Tony Hawk’s Pro Skater 1+2, em uma homenagem que agradou e muito os brasileiros.

Você pode assistir à entrevista pelo vídeo abaixo!

LEIA TAMBÉM: Bob Burnquist revela bastidores de inclusão do Charlie Brown Jr. em “Tony Hawk’s”

Chorão falando sobre as origens de “Confisco”

 
 
Compartilhar