Tiroteio em show de Rap na Flórida
Ouça a Playlist Climão de Dia dos Namorados!   Ouça o novo álbum do Melim!  

Uma apresentação de Rap no Sul da Flórida, nos Estados Unidos, terminou em tragédia neste domingo (30).

De acordo com autoridades policiais locais, duas pessoas morreram e outras 25 ficaram feridas quando um tiroteio foi iniciado no meio de um show que acontecia no El Mula Banquet Hall, no Condado de Miami-Dade.

Segundo o Miami Herald, o local recebia performances de rappers locais, incluindo ABMG Spitta, quando três pessoas desceram de uma caminhonete e abriram fogo contra a multidão.

Tiroteio Em Show de Rap

O diretor de polícia Alfredo “Freddy” Ramirez III afirmou que os criminosos usaram fuzis e também revólveres, no que teria sido um ataque premeditado.

“Esses são assassinos frios sanguinários que atiram indiscriminadamente contra uma multidão e nós buscamos justiça,” escreveu Ramirez no Twitter. Os feridos foram encaminhados para hospitais e nenhuma prisão foi realizada imediatamente.

“Esse é um ato desprezível de violência armada, um ato covarde,” disse Ramirez ao Miami Herald.

Hoje (31) pela manhã, ele havia dito durante uma conferência para a imprensa que “esse tipo de violência com armas precisar acabar pois todo final de semana é a mesma coisa”.

Governador da Flórida se manifesta

O governador da Flórida, Ron DeSantis, tuitou sobre o episódio: “Nós estamos de luto pela morte das duas vítimas e rezamos pela recuperação das mais de 20 pessoas que ficaram feridas no El Mula Banquet Hall, próximo de Hialeah. Nós estamos trabalhando junto às autoridades locais para trazer justiça, que precisa ser rápida e severa”.

O empresário e celebridade da TV Marcus Lemonis (“O Sócio”) foi ao Twitter oferecer uma recompensa de US$ 100 mil (quase 600 mil reais) com o propósito de ajudar as autoridades a capturar os suspeitos.

Na última sexta (28), a região do Sul da Florida já havia sofrido com outro tiroteio que deixou um morto e seis feridos.

LEIA MAIS: Pesado: ouça parceria de DMX, Jay-Z e Nas em disco póstumo do rapper

 
 
Compartilhar