Jeff Bezos e Donald Trump
Fotos via Wikimedia Commons
 

Jeff Bezos agora tem em mãos algumas filmagens que podem colocar Donald Trump em maus lençóis.

Junto com a compra bilionária da MGM, a Amazon de Bezos também tem agora os direitos para todas as filmagens de O Aprendiz, reality show que Trump apresentou por vários anos antes de tentar a política. A MGM já havia comprado os direitos da série da One Three Media em 2014.

Caso queira usar o material que tem em mãos, o empresário pode incriminar Trump por conta de algumas imagens supostamente racistas. Isso porque o produtor Chris Nee, em 2016, alegou que há filmagens onde o ex-presidente americano usa gírias raciais ofensivas ao falar de pessoas negras. A filmagem teria acontecido em 2005 durante uma conversa de Donald com o apresentador Billy Bush.

Ainda de acordo com Nee, há até uma “taxa de vazamento” de mais de U$5 milhões para a fita que contém o momento. “Todos conseguem ouvir ele usando [uma palavra ofensiva] claramente, pelo que sei”, declarou o produtor.

Ameaças e agressões

À época, o Buzzfeed (via CoS) relatou que Mark Burnett, fundador da One Three Media, teria ameaçado ex-funcionários do programa que poderiam vazar as imagens de Trump. E, em 2018, Burnett teria tentando enforcar o comediante Tom Arnold, que estava atrás de qualquer imagem comprometedora do então presidente.

Agora é aguardar…

LEIA TAMBÉM: Amazon compra a MGM, detentora da franquia James Bond, por 45 bilhões de reais

 
Compartilhar