Crédito: Manu Machado
 

A cantora e compositora catarinense Jade Baraldo está de volta com o single acústico “Fogo e Ar”, que usa o romance e a astrologia na letra.

A canção é um lançamento da Altafonte e monta um jogo de palavras e de analogias sobre os signos que envolvem o fogo e o ar.

“É uma mistura que normalmente dá certo. Para mim sempre foi comum me envolver com gente de fogo. A chama cresce quando venta. Acredito que o elemento Ar está profundamente associado ao mundo da música. É pelo ar que o som se propaga”, conta Jade, que é libriana.

Em 2019, Jade lançou seu primeiro álbum completo na carreira, Mais Que Os Olhos Podem Ver. Ela também é dona de diversos sucessos como “Brasa”, “BAM BAM BAM!”, “nós 2” e “Perigo”.

Cyanogaster

foto: divulgação

A banda Cyanogaster disponibilizou nas plataformas digitais o EP 2P, que apresenta as músicas “Partir Faz Parte” e “Peregrino”.

Esta última ganhou um clipe liberado no YouTube, o primeiro na carreira do grupo. O vídeo explora frames feitos com câmera VHS que remetem ao estilo vintage, lembrando uma filmagem caseira dos anos 1990.

Anteriormente, a Cyanogaster havia liberado o disco Liquidifiqueador.

Pedro Mann

foto: divulgação

O cantor e compositor carioca Pedro Mann canta o amor universal e livre ao lado de Caio Prado no clipe de “Tudo que a gente pode ser”.

Dirigido por Renan Salotto, o vídeo mostra os dois artistas em contraste com o céu, representando a leveza para falar do que está dentro de nós e que nos conecta com o propósito interior e com a felicidade.

O lançamento chega depois de “Faz Um Bem”, canção que inaugurou a trilogia de singles intitulada Asa. A próxima música da trinca será “Fiz uma Canção de Amor”, parceria com Laura Petit que vai falar sobre o fim de um relacionamento.

Em 2020, Pedro lançou Salineiras, seu terceiro álbum de estúdio com produção de Rodrigo Vidal (Natiruts, Maria Gadú, Paulinho da Viola). Antes, ele havia liberado os discos O mundo é logo ali (2013) e Cidade Copacabana (2016).