Maneskin, banda campeã do Eurovision
 

A banda italiana Måneskin foi coroada campeã da edição 2021 do Eurovision, tradicional competição de novos talentos que sempre movimenta a Europa. Acontece que uma baita polêmica envolvendo o grupo chamou mais atenção do que sua vitória nas últimas horas. Agora, porém, tudo está resolvido.

O quarteto de Rock se viu em uma situação delicada quando seu vocalista, Damiano David, foi acusado de consumir cocaína durante o programa ao vivo. Te contamos por aqui um pouco mais sobre a situação.

Depois de negar veementemente que tenha usado drogas, alegando ainda que não tem o hábito, David se habilitou a fazer um teste para detectar substâncias em seu sangue. Para encerrar de vez a polêmica, o resultado saiu nesta segunda-feira (24): negativo.

A EBU (European Broadcast Union) emitiu um comunicado onde diz (via BLITZ):

Não houve qualquer consumo de drogas na Green Room e o assunto está encerrado. Ficamos alarmados com as informações imprecisas, que levaram a notícias falsas, terem tirado o foco do espírito e do resultado do evento, e afetado injustamente a banda.

Que bom que está tudo resolvido! Você pode relembrar a performance dos italianos pelo vídeo abaixo, agora com o foco no lugar certo.

LEIA TAMBÉM: Quando o indie invade a TV comercial: Måneskin e o caso do Festival de Sanremo

 
Compartilhar