Max Cavalera e Ozzy Osbourne
Fotos via Wikimedia Commons
 

Quem conhece a história de Max Cavalera certamente se lembra do complicado período que o músico brasileiro viveu ali por volta de 1996, quando perdeu seu enteado Dana Wells logo em meio à saída iminente do Sepultura.

Ao falar em um especial sobre sua carreira com a Metal Hammer, Max relembrou a importância de “Eye for an Eye” — canção do disco de estreia do Soulfly — e contou como ela surgiu a partir de uma conversa com Ozzy Osbourne, um de seus maiores ídolos.

Além de lhe inspirar a compor o riff, o Príncipe das Trevas chegou a salvar a carreira do brasileiro, que pensava em desistir da música. Ele conta:

Essa canção [‘Eye for an Eye’] salvou minha vida, basicamente. Lidando com a morte do Dana [em um acidente de carro em 1996] e saindo do Sepultura, eu estava desistindo da música — eu estava de coração partido, com raiva, tinham acontecido muitas decepções. Gloria [Cavalera] estava tentando me animar, me colocar de volta no lugar mental certo e me fazer escrever de novo.

Eu lembro que tivemos um jantar na casa do Ozzy, e ele estava me contando sobre quando ele foi demitido do Black Sabbath, como ele estava muito, muito desanimado, mas só cabia a ele se reerguer. Vindo do Ozzy, isso me deixou estupefato — tipo, ‘Eu preciso fazer isso.’ Então eu peguei minha guitarra e ‘Eye for an Eye’ simplesmente saiu dela. Eu realmente amo o riff.

Demais, hein? Ficamos devendo esse agradecimento para o “Madman” por ter mantido um dos maiores músicos do país em atividade.

Max Cavalera, Ozzy Osbourne e o Sepultura

Nesse especial internacional, Max escolheu 10 músicas que definem sua personalidade e sua carreira e você pode conferir mais sobre isso por aqui.

Vale lembrar que Ozzy também participou de um especial da MTV sobre a banda brasileira lá nos anos 90. A gente te contou mais sobre esse programa nesta matéria.