Kanye West e Freddie Mercury
Fotos via Wikimedia Commons
 

Quem acompanha o TMDQA! sabe que somos totalmente a favor de misturas de gêneros e riscos musicais, mas também não podemos ignorar quando essas coisas não dão certo.

Foi o caso da performance de Kanye West no festival Glastonbury de 2015, quando o rapper apareceu por lá como headliner e resolveu se arriscar em uma versão de “Bohemian Rhapsody”, do Queen.

A ideia do cara, naturalmente, era empolgar a plateia britânica com um clássico local (e mundial, claro) e não dá nem pra dizer que isso não aconteceu. No entanto, o problema foi quando West resolveu soltar a voz e cantar junto com o público presente e acabou desafinando horrores, deixando o clima bem estranho.

Felizmente, o momento de qualidade duvidosa durou pouco e foi apenas uma introdução para “Can’t Tell Me Nothing”, canção do próprio rapper que deu sequência à apresentação que vinha sendo ótima — e continuou assim após o pequeno deslize de Kanye. Uma vez pra nunca mais, talvez?

Os registros dessa apresentação não estão disponíveis no YouTube — provavelmente por questões de direitos autorais — mas você pode conferir abaixo (ou clicando aqui) pelo DailyMotion.

LEIA TAMBÉM: Em 2008, Jay-Z “tocou” guitarra em “Wonderwall” para zoar Noel Gallagher em festival

Kanye West cantando “Bohemian Rhapsody”, do Queen