Pe Lu (Restart) e Digão (Raimundos)
 

Nesta quinta-feira (29), você deve ter visto que publicamos aqui no TMDQA! uma declaração do músico Pe Lu, que ganhou fama com o Restart, sobre Digão, dos Raimundos.

Entre outros comentários, o músico disse que sentia uma “decepção” com “roqueiro reaça”, e citou o vocalista e guitarrista como exemplo por ter “se encontrado de novo [com Rodolfo Abrantes] no elogio ao Bolsonaro”. A nossa postagem repercutiu e chegou até o músico dos Raimundos, que a compartilhou em seu Instagram com os dizeres:

Amigo, você deveria se decepcionar consigo mesmo, a minha história musical está tocando até hoje em todo lugar enquanto você aí precisa ‘lacrar’ pra alguém lembrar da sua existência…

Continua após o post

Resposta de Pe Lu a Digão

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Digão Raimundos (@digaoraimundos)

A mensagem chegou até Pe Lu, que usou então seu Twitter para sua réplica — já que, segundo ele, Digão bloqueou os comentários da postagem após dar “uma resposta idiota” à sua fala. O ex-guitarrista e vocalista do Restart escreveu:

Digão, meu ‘amigo’, é uma pena que a sua resposta à minha crítica feita à sua falta de posicionamento político venha dessa forma tão rasa e incoerente, clássica de eleitores do Bozo. Porém, o que esperar de alguém que acredita que o Brasil vive ‘uma amostra do comunismo’ ou que segue dizendo ‘políticos são todos iguais’ e engrossa o caldo dos apoiadores de um presidente incompetente e genocida?

Não ter posicionamento político é sim posicionamento político. Se calar diante das atrocidades que a gente tem vivido é sim posicionamento político. Deve ser triste ter que responder a isso atacando o meu trabalho que, por sinal, segue forte, assim como meu posicionamento. A história cobra, Digão, e ela vai cobrar pesado.

Veja o Tweet original logo abaixo ou clicando aqui.

 
 
Compartilhar