Britney Spears em 2012
Foto de Britney Spears via Shutterstock
   

Britney Spears fez uma publicação de apoio ao movimento Black Lives Matter e dividiu opiniões nas redes sociais.

Em sua conta do Instagram a diva pop compartilhou com seus quase 30 milhões de seguidores, aparentemente pela primeira vez, sobre o assunto que ganhou força no mundo inteiro no ano passado e continua em pauta.

Apesar de algumas pessoas terem elogiado sua atitude, outras acharam que ela “passou dos limites”.

A imagem publicada por Britney mostra um rapaz negro segurando um cartaz com as hashtags #BLM e #WeAreNotTheSame e a seguinte frase:

As pessoas brancas herdam riqueza, as pessoas negras herdam traumas.

Na legenda a cantora também utilizou as hashtags #BLM e #BlackLivesMatter acompanhadas pela breve frase: “Só estou dizendo”.

Britney Spears e Black Lives Matter

Logo depois de subir a postagem no Instagram, a publicação começou a ser bombardeada por comentários.

Enquanto alguns fãs elogiavam Britney por ter se posicionado a favor desta causa e estar incentivado o movimento, outros classificaram a publicação como tóxica e até falaram que o post tinha um conteúdo racista. Um seguidor escreveu:

Quero dizer – isso não é literalmente verdade. Isso é chamado de definição de perfis, que também é algo racista.

Outro seguidor questionou se “agora estamos rotulando as pessoas com base na cor da pele” e muitos fãs brancos declararam que ainda estão esperando para ver a suposta “riqueza” herdada por eles.

Entre as diversas críticas e elogios, ainda tiveram os fãs que apoiam o movimento Free Britney afirmando que pelo conteúdo da publicação, a cantora e suas redes sociais seguem sendo controladas.

Publicada pela própria Britney ou não, como aponta o TMZ, a postagem foi feita enquanto o júri vinha deliberando para decidir se o policial Derek Chauvin seria considerado culpado pelo assassinato George Floyd, tragédia que deu força ao movimento Black Lives Metter no ano passado.

Há alguns minutos, ele foi considerado culpado das três acusações sobre as quais vinha respondendo.